A Petrobras (PETR4) avançou em processo para a venda de 50% de sua participação nas concessões do importante Polo Marlim, ao iniciar a chamada fase não vinculante da operação, informou a estatal em comunicado nesta segunda-feira (14).

Nessa etapa, potenciais compradores interessados receberão instruções sobre o desinvestimento, incluindo acesso a uma sala virtual de informações sobre as concessões e orientações para o envio de propostas iniciais e não firmes pelo ativo.

O Polo Marlim compreende 4 concessões de produção na Bacia de Campos, em águas profundas e ultra profundas.

Petrobras (PETR4) tem prejuízo no 2º tri; despesas com hedge e PDVs pesam
Petrobras (PETR4) tem prejuízo no 2º tri; despesas com hedge e PDVs pesam

BR Distribuidora

A petroleira fechou um acordo de R$ 148,5 milhões para comprar óleo diesel marítimo da BR Distribuidora (BRDT3). O contrato foi assinado em 2 de dezembro, com vigência de 1.095 dias, prorrogáveis por mais 730.

A entrega do combustível seguirá a modalidade Delivered Duty Paid (DDP), em que o vendedor arca com praticamente todos os impostos e taxas incidentes na operação.

Energizzi

A Petrobras anunciou que celebrou contrato com a Energizzi Energias do Brasil para a venda da totalidade de sua participação no campo terrestre de Rabo Branco, localizado na Bacia de Sergipe-Alagoas, no estado de Sergipe.

O comunicado foi feito na noite de sexta-feira (11) pela estatal (BOV:PETR3) (BOV:PETR4).

O valor da venda é de US$ 1,5 milhão, pago em parcela única na assinatura do contrato.

O fechamento da transação está sujeito ao cumprimento de condições precedentes, tais como o não exercício de direito de preferência pela atual consorciada Petrom Produção de Petróleo e Gás Ltda. e a aprovação pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis).

Segundo a Petrobras, essa operação está alinhada à estratégia de otimização de portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, passando a concentrar cada vez mais seus recursos em ativos de classe mundial em águas profundas e ultra-profundas, onde a Petrobras tem demonstrado grande diferencial competitivo ao longo dos anos

O campo de Rabo Branco faz parte da concessão BT-SEAL-13, que está localizada ao sul do campo de Carmópolis, na Bacia de Sergipe-Alagoas, no estado de Sergipe.

A Petrobras possui 50% de participação no campo de Rabo Branco, em parceria com a Petrom1, que é a operadora e detém os demais 50%. A produção média de petróleo do campo, de janeiro a outubro de 2020, foi de 138 bpd.

Veja PETR4 na Bolsa:

Petrobras (PETR4): justiça extingue ação de hipoteca judiciária da Previ
Petrobras (PETR4): justiça extingue ação de hipoteca judiciária da Previ
Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: