O BNDESPar, braço de participações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, comunicou a contratação do BTG Pactual para coordenar uma oferta para venda das ações detidas pela instituição de fomento na estatal paranaense de energia Copel (CPLE6), informou a companhia em fato relevante.

“O coordenador líder terá 24 horas a partir da homologação para formar o consórcio de bancos. A alienação aprovada está de acordo com a atual estratégia de gestão da carteira da BNDESPar”, disse o banco, segundo documento divulgado pela Copel junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta terça-feira (8).

O BNDES possui ações que representam cerca de 24% do capital social da Copel por meio da BNDESPar.

O banco destacou, no entanto, que o lançamento da oferta pública “está sujeito a diversos fatores”, incluindo condições de mercado e preço.

Copel (CPLE6) marca para novembro leilão da telecom com preço-alvo em R$ 1,4 bi

A empresa

A Companhia Paranaense de Energia é uma empresa pública de capital aberto, cujo acionista majoritário é o Governo do Estado do Paraná, sendo, portanto, uma empresa estatal de economia mista.

AL e Caribe

A Copel recebeu o prêmio prata CIER de avaliação do cliente entre as grandes distribuidoras de energia elétrica da América Latina e Caribe. O anúncio foi feito dia 2 em cerimônia online, durante o encontro de executivos do setor no continente, promovido pela Comissão de Integração Energética Regional (CIER), que concede a premiação anualmente.

A premiação acontece desde 2003 e se baseia nos índices de satisfação do cliente, apurados em pesquisas feitas pela instituição. Este ano foram ouvidos 46 mil consumidores que avaliaram o desempenho de 34 empresas em nove países.

Veja CPLE6 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: