O Citigroup reportou queda de 34% no lucro do terceiro trimestre, pressionado por queda nos juros e fraqueza na demanda por crédito.

O lucro líquido caiu para 3,23 bilhões de dólares, ou 1,4 dólar por ação, ante 4,91 bilhões, ou 2,07 dólares por papel, um ano antes.

Segundo a Reuters, analistas esperavam lucro de 0,93 dólar por ação, segundo dados da Refinitiv. Não ficou claro de imediato se os números são comparáveis.

Mais cedo nesta terça-feira, o JPMorgan Chase divulgou resultado acima do esperado por Wall Street, aproveitando crescimento na demanda por operações em bolsa de valores e menores provisões para inadimplência.

Lucro do Citigroup recua no 3º tri

Citigroup: multa

Reguladores bancários federais dos EUA multaram o Citigroup em US$ 400 milhões e ordenaram ao banco a correção dos seus sistemas de gestão de risco, citando “falhas contínuas significativas”.

O Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) acusa o Citigroup por falhas em “várias áreas de gestão de risco e controles internos”, incluindo gestão de dados, reporte aos reguladores e planejamento de capital.

O Escritório do Controlador da Moeda (OCCC), em separado, disse que a multa penaliza o banco por “falhas antigas” na solução de problemas nos sistemas de risco e dados.

O Wall Street Journal tinha antecipado que o Fed e o OCC planejavam multar o Citigroup por não melhorar os sistemas de gestão de risco – um dispendioso conjunto de procedimentos e tecnologia concebido para detectar transações problemáticas, investimentos arriscados e outras situações que possam prejudicar o banco.

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: