CBD com liquidez diária, Debênture e outras renda fixa são importantes na diversificação dos investimentos e planejamento . Renda fixa é muito procurado por quem quer estabilidade e segurança em seus investimentos. Sua rentabilidade não é tão alta quanto investimentos da renda variável, mas ele também é muito importante de ter na carteira de investimentos, mesmo em momentos de crise financeira mundial.

Debêntures

O Financista Fabrizio Gueratto do Canal 1Bilhão Educação Financeira, entrevistou a planejadora financeira Daniela Casabona, da FB Wealth que explicou a importância de ter esse tipo de investimento na carteira: “A renda fixa faz sim parte da diversificação dos investimentos. Se amanhã a taxa de juros subir e você não estiver com esse investimento feito, você deixará de ganhar. A reserva de emergência, que equivale ao custo de vida durante um período a ser usado em caso de necessidade, deve contemplar pelo menos 12 meses do custo de vida e deve estar alocada na renda fixa. A Renda fixa tem seu papel importante, até quando é necessário equilibrar a carteira”.

Como usar a renda fixa dentro da carteira de investimentos?

Além de alocar os investimentos em renda variável, dependendo do perfil do investidor, é indicado ter na carteira investimentos pertencentes a renda fixa, que terão uma boa lucratividade segundo Daniela Casabona: “Debêntures são investimentos em renda fixa atraentes. A Debênture incentivada é uma dívida de uma empresa, e é um investimento livre de imposto. Esse investimento possui taxas muito boas com IPCA+5%, sendo ativos muito seguros, e com boa rentabilidade perto de outros investimentos da renda fixa.”

É seguro ter uma carteira planejada e que contemple o perfil do investidor. Daniela destaca também a importância da diversificação, tendo renda fixa na carteira de investimentos: “A renda variável é uma diversificação na sua carteira. Você não pode estar 100% na renda variável, sem deixar nenhum investimento em renda fixa. Em um momento de crise e oscilações, a sua renda fixa servirá para equilibrar a carteira e não deixar a carteira ficar negativa, reduzindo perdas”.

Devo sair da renda fixa e investir na renda variável neste momento?

A planejadora financeira destaca: “Tirar todo dinheiro da renda fixa não é uma boa opção para uma carteira bem planejada. Porém, é hora de aumentar as posições e aumentar a renda variável.”

https://youtu.be/6w7lYv-5nyE

Leia também: “CDB com liquidez diária que rende 104% do CDI “.

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: