O Canal de YouTube Cartões de Crédito Alta Renda tem como apresentador Leandro Vieira, onde fala sobre cartões de créditos, qual o melhor para determinada situação, orientação financeira, como funcionam as taxas, milhas, pontos. Para saber qual o melhor cartão de crédito de contas digitais, o Financista Fabrizio Gueratto, do Canal 1Bilhão Educação Financeira, convidou Leandro para contar aos Bilionários quais os melhores cartões e os motivos que os fizeram estar entre os favoritos do especialista em cartões de crédito.

Os pioneiros

Importante ressaltar que uma das contas digitais pioneiras no Brasil teve seu início com um cartão de crédito.  O Banco Original e Banco Inter foram os pioneiros no assunto, oferecendo bons benefícios para os clientes e sem burocracias. Após os pioneiros, o famoso e querido roxinho começou a disponibilizar também cartões de crédito, somente com convite. Os cartões de crédito do Nubank não continham taxas.

“O Banco Inter tem um bom cartão, que é o Black e não contém anuidade desde que se invista R$ 250 mil no PAI, que é a plataforma de investimentos do Banco Inter. Porém, ele só não dá anuidade, mas também não tem benefícios. Já no caso do Banco Original, ele disponibiliza um ótimo cartão, pois contém cashback, ou seja, parte do dinheiro é devolvido para o cliente. Então por exemplo, uma pessoa que gasta R$ 10 mil por mês, esta pessoa receberia 1.5 por cashback, ou seja, R$ 150 de cashback, o que faz dele um ótimo cartão, dando acesso VIP as salas de aeroportos”, diz Leandro Vieira do Cartões de Crédito Alta Renda.

O melhor dos Bancos digitais

Leandro explica que hoje, se falarmos de Bancos Digitais, dentre os melhores cartões disponíveis, como é o caso do Black do Inter e Original, está presente também o Black do C6 Bank.

“O nome que o C6 Bank dá para o seu cartão é Carbon. Mas antes disso é bom lembrar que ninguém dava nada para o C6 Bank no começo, dizendo que no começo o cartão disponível era bem inferior aos seus concorrentes. Na época faltava informações, pois só diziam que se investisse R$ 150 mil na conta do banco o cliente ficava livre da anuidade, ou então, ocorreria a cobrança de 12 parcelas de R$ 85, o que é um valor muito alto, e acabava-se por não saber nada sobre o cartão, somente isso. Mas hoje, isso mudou, e agora o C6 Bank contém um programa de pontos, que dá 2.5 por US$ 1 e estes pontos disponíveis podem ser transferidos para os programas múltiplos, como por exemplo Latam Pass, Tudo Azul e Smiles”, dispara sobre o cartão de crédito Carbon do C6 Bank.

Leia também: “MILHAS no CARTÃO DE CRÉDITO ELO e VISA vale a pena?”

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: