Oi (OIBR3 e OIBR4): Diretora de Finanças e Relações com os Investidores sai da empresa; entenda o motivo

Camille Loyo Faria deixou a Diretora de Finanças, assim como Bernardo Kos Winik, que saiu do posto de Diretor de Clientes e Estatutário

Nesta terça-feira (31), a Oi (OIBR3 e OIBR4) anunciou alterações em seus cargos de Diretoria Estatutária. 

Camille Loyo Faria deixou a Diretora de Finanças e de Relações com Investidores, assim como Bernardo Kos Winik, que saiu dos postos de Diretor de Clientes e Diretor Estatutário.

Os dois eram importantes para a empresa, que atualmente passa por um processo judicial, e respondiam ao Conselho de Administração, uma vez que foram eleitos ao cargo através do mesmo.

Motivos para a mudança

A Oi não especificou em nota oficial o motivo pelo qual tanto Camila quanto Bernardo haviam sido desligados, uma vez que os dois estavam envolvidos em projetos importantes para a empresa.

“A Companhia expressa seu agradecimento à Sra. Camille Loyo Faria e ao Sr. Bernardo Kos Winik por sua dedicação e entrega, reconhecendo as contribuições e resultados significativos atingidos neste período, (…) permitindo que a mesma possa seguir de maneira bem-sucedida com seu plano estratégico”, afirmou o CEO Rodrigo Abreu, em nota oficial ao mercado.

Ilustração companhia Oi

Última cotação da Oi

Após as operações de segunda-feira (30), a cotação dos ativos da Oi encerrou o dia com uma baixa. Dessa forma, os papéis OIBR3 chegaram a R$ 1,12 devido a uma queda de 2,61%. Do mesmo modo, os ativos OIBR4 caíram 1,56%, alcançando o valor de R$ 1,89.

Em suma, no último ano, as duas ações da empresa de telecomunicações acumularam uma desvalorização na Bolsa de Valores (B3). Isso equivale a: OIBR3 (baixa de 37,08%) e OIBR4 (queda de 23,48%).

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais