Magazine (MGLU3), Carrefour (CRFB3) e Via (VIIA3): confira as varejistas listadas na B3 que mais faturaram em 2020

O levantamento IBEVAR-FIA apresenta todo ano as maiores empresas do setor de varejo

O mercado varejista centraliza grandes negócios e representa uma boa parcela do PIB do Brasil. Por conta disso, o levantamento IBEVAR-FIA 2021, produzido pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (IBEVAR) em parceria com a FIA, apresenta todo ano as maiores empresas do setor.

De acordo com os dados, o Carrefour (CRFB3) lidera pelo quarto ano seguido o ranking. Em seguida, vem o Grupo Pão de Açúcar (PCAR3), Magazine Luiza (MGLU3), Via (VIIA3) e Lojas Americanas (LAME4).

O peso das 120 maiores companhias no consumo total das famílias brasileiras simboliza 13,6% do varejo de bens. Isto é, uma receita de R$ 4,6 trilhões em 2020. Logo, o faturamento total das mesmas foi de R$ 632,7 bilhões no ano passado.

1 – Carrefour (CRFB3)

Pelo quarto ano consecutivo, o Carrefour é o líder no ranking de faturamento de empresas varejistas, com uma receita bruta de R﹩ 74,7 bilhões em 2020. Em comparação com o ano anterior, houve um crescimento de 20,14%.

Em um contexto em que a cesta básica para uma família com quatro pessoas é quase um salário mínimo, a população busca produtos com valores mais acessíveis.

Dessa forma, a companhia expandiu sua marca e lançou itens para atender a alta procura, como a linha Carrefour Bio, alimentos orgânicos e vegetarianos. Antes, as vendas dos produtos da própria marca eram 4%, agora são 20%.

Em contrapartida, no segundo trimestre de 2021, a companhia apresentou prejuízo em relação ao mesmo intervalo do ano passado, com um lucro líquido de R$ 592 milhões e um déficit de 16,8%.

2 – Grupo Pão de Açúcar (PCAR3)

O Grupo Pão de Açúcar se encontra como vice-líder no ranking produzido pelo IBEVAR, com um faturamento de R$ 55,7 bilhões e alta de 78,3%.

Portanto, o grupo adotou a estratégia de implementar o e-commerce em 2020. Assim, apresentou um efeito positivo, atingindo um faturamento três vezes maior do que o valor acumulado em 2019.

No entanto, no intervalo entre abril e junho deste ano, o Grupo Pão de Açúcar reportou uma queda de 99,4% em relação ao segundo trimestre do ano passado, com um lucro líquido de R$ 2 milhões.

3 – Magazine Luiza (MGLU3)

Em 2020, o Magazine Luiza obteve o maior faturamento da história da companhia, com um total de R$ 36,1 bilhões. Ou seja, apresentou um crescimento bem maior do que no ano anterior. Principalmente, em virtude da expansão do e-commerce, que aumentou mais de 121%.

Desse modo, as vendas na plataforma do Magalu atingiram R$ 9,5 bilhões. Isto é, uma valorização de 64%.

Logo, com a retomada das lojas físicas, no segundo trimestre deste ano, a empresa reportou um lucro de R$ 95,5 milhões. Além disso, as vendas expandiram 60,5%, atingindo R$ 13,7 bilhões.

Unidade Loja Magazine Luiza

4 – Via (VIIA3)

A Via, responsável pela Casas Bahia e Ponto Frio, se encontra em quarto lugar no ranking. A companhia faturou um lucro R$ 34,4 bilhões, assim se desfez dos prejuízos reportados em 2019. Ou seja, um crescimento de 15,44%.

Por certo, a receita líquida apresentou um avanço de 24,4% em comparação com 2019, um valor de R$ 9,47 bilhões.

A propósito, no segundo trimestre de 2021, a Via registrou um crescimento de 103% em relação ao ano passado. O motivo também foi a valorização do e-commerce na pandemia.

5 – Lojas Americanas (LAME3 e LAME4)

O caixa líquido da Lojas Americanas encerrou 2020 com R$ 6,314 bilhões, e a controladora do caixa com R$ 609,2 milhões. Em virtude, sobretudo, do follow on (oferta subsequente de ações) da Americanas com aumento de capital da B2W.

Assim, está em quinto lugar no ranking da IBEVAR-FIA 2021, que apresentou um faturamento de R$ 25,4 bilhões no ano passado, com uma valorização de 14,78%.

Atualmente, a Americanas S.A representa a fusão da Lojas Americanas com a B2W. Assim, a empresa reportou no segundo trimestre em 2021 um lucro líquido de R$ 225 milhões, revertendo o prejuízo de R$ 36 milhões obtido no mesmo intervalo no ano passado.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais