A Itaúsa (ITSA4) comunicou nesta segunda-feira (7) à noite que pretende pagar juros sobre capital próprio (JCP) aos acionistas, conforme autorizado pelo conselho de administração da holding. Serão R$ 0,10165 por ação.

A empresa disse ainda que os JCP serão pagos aos acionistas até o dia 30 de abril de 2021, com base na posição acionária final do dia 10 de dezembro deste ano.

Também haverá retenção de 15% de imposto de renda na fonte. Nesse sentindo, os juros líquidos pagos serão de pouco mais de R$ 0,086 por ação da companhia.

Entretanto, comunica que são excetuados desta retenção os acionistas pessoas jurídicas comprovadamente imunes ou isentos.

Itausa (ITSA4): lucro cai mais de 75% no segundo trimestre
Itausa (ITSA4): lucro cai mais de 75% no segundo trimestre

3º tri

Vale lembrar que no terceiro trimestre deste ano, a companhia apresentou um lucro líquido de R$ 1,784 bilhão, um recuo de 8,1% ante o resultado de R$ 1,941 bilhão apurado no mesmo período de 2019.

A companhia atribuiu a um menor resultado de equivalência patrimonial proveniente do Itaú Unibanco (ITUB4), que corresponde a mais de 90% do portfólio da Itaúsa. O cálculo da equivalência patrimonial caiu 23% no terceiro trimestre, em função de maior despesa com Perdas Esperadas com Operações de Crédito em meio ao cenário de pandemia.

Números

Já a receita de venda de bens e serviços, por sua vez, cresceu de R$ 1,308 bilhão de julho a setembro do ano passado para R$ 1,778 bilhão em 2020.

“Foi possível observar melhora no desempenho operacional da maioria das investidas, como Alpargatas e Duratex, que apresentaram excelente desempenho no volume de vendas, melhores margens e melhores resultados, registrando o melhor 3º trimestre da história de ambas as companhias. As plantas industriais dessas companhias estão operando a plena capacidade, o que permitiu maior diluição de custos fixos”, destacou o conglomerado.

Veja ITSA4 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: