A Energias do Brasil (ENBR3), que pertence ao grupo português EDP, informa aos seus acionistas e ao mercado em geral que foi aprovado o pagamento de R$ 162.366.000,00 em juros sobre o capital próprio (JCP), relativos ao exercício de 2020.

Cada ação ordinária da companhia corresponde ao valor de R$ 0,271192776 em relação ao montante a ser creditado aos detentores de ações da empresa na data-base de 04 de janeiro de 2021.

Energias do Brasil (ENBR3) anuncia pagamento de R$162,3 mi em juros sobre o capital próprio

Os papéis

Os papéis da Energias do Brasil serão negociados na bolsa de valores na forma de “ex-JCP”, a partir de 05 de janeiro de 2021.

Segundo a companhia elétrica, o pagamento do JCP será realizado até 30 de junho de 2021, sem qualquer atualização monetária ou outra remuneração.

Vale lembrar que na véspera, a empresa divulgou seu acordo de investimento na Blue Sol, cuja aquisição minoritária foi de até 40% do capital social votante da Blue Sol. O acordo permite que a companhia adquira o controle passados três anos e meio após a conclusão da operação.

JCPs das subsidiárias

A empresa ainda comunica que as subsidiárias EDP São Paulo e EDP Espírito Santo também deliberaram, nesta segunda-feira (28), o pagamento à EDP Brasil, na condição de única acionista das referidas subsidiárias, de JCPs referentes ao exercício deste ano, cujo valor total é de R$ 117.185.000,00.

A data de pagamento dos juros sobre o capital próprio será deliberada posteriormente pelas referidas subsidiárias, por ocasião da deliberação sobre o pagamento dos dividendos do exercício a se encerrar em 31 de dezembro de 2020, pontua a companhia no comunicado divulgado ao mercado.

Veja ENBR3 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: