Ações que podem entrar no Ibovespa ainda este ano; veja como funciona a seleção

A empresa que está em maior destaque é o Banco Inter (BIDI4), que fez sua estreia na Bolsa em 2018

A carteira teórica do Ibovespa, com estreia prevista para 6 de setembro, está com grandes apostas no mercado financeiro. No entanto, a prévia será divulgada apenas dia 3 de agosto. A empresa que está em destaque entre os analistas é o Banco Inter (BIDI4).

A princípio, Rede D’Or (RDOR3), Alpargatas (ALPA4), Petz (PETZ3) e Banco Pan (BPAN4), também são apostas dos estrategistas para serem incluídas na revisão da carteira.

Carteira do Ibovespa e suas escolhas

De quatro em quatro meses, a Bolsa de Valores (B3) reavalia as ações que fazem parte da carteira do Ibovespa. A seleção é constituída por ações com critérios de representatividade no mercado. Dessa forma, para serem incluídas, precisam estar presentes em 95% dos pregões do último ano.

Os parâmetros utilizados pela B3 para entrar na revisão do Ibovespa tem como propósito selecionar ações classificadas como as mais sólidas. Logo, devem ter um volume financeiro relevante e o valor unitário não deve ser inferior a um real.

Em suma, atualmente 84 ações pertencem à carteira teórica do Ibovespa. Segundo a XP Investimentos, nenhuma deixará a carteira com a atualização.

Banco Inter (BIDI11)

O Banco Inter (BIDI11), que pertence ao segmento de bancos digitais, está caminhando para se tornar uma plataforma completa de serviços, deixando de ser apenas uma instituição financeira. Portanto, a empresa é uma das mais apostadas pelos analistas para entrar na carteira do Ibovespa.

De acordo com o BTG Pactual (BPAC11), sua análise se mantém positiva em relação ao Banco Inter. Logo, o preço alvo da compra é de R$90. assim como, upside de 18% ante a cotação atual de R$76.

Nesse sentido, o banco registrou no segundo trimestre um alcance de 12 milhões de clientes e 1,9 milhões de novas contas, isto é, representa uma expansão de 103% em base anual. Com isso, a previsão do Inter é terminar o ano de 2021 com 20 milhões de clientes.

Ações que podem entrar no Ibovespa ainda este ano; veja como funciona a seleção
Ilustração índice Ibovespa

Rede D’Or (RDOR3)

A Rede D’Or (RDOR3), junto com o Banco Inter, é uma forte candidata a ser promovida à carteira do Ibovespa. A empresa abriu capital em dezembro de 2020.

Sob avaliação da XP Investimentos, se a empresa entrar na próxima revisão, a mesma deve representar um impacto significativo de 2,5% no índice.

“Como a Rede D’Or fez a oferta pública no dia 10 de dezembro, ela é elegível para ser incluída no Ibovespa. O mesmo caso se aplica às ações da Petz, que fez IPO em 11 de setembro do ano passado, e às ações da Méliuz, que começaram a ser negociadas na Bolsa no dia 5 de novembro de 2020”, pontua a XP.

Outras candidatas 

Algumas apostas sugeridas pelos analistas para compor o Ibovespa, embora estejam com poucas chances, são as ações da Méliuz (CASH3), Petz (PETZ3), Alpargatas (ALPA4) e Banco Pan (BPAN4). 

Além destas, outras companhias também estão sendo cotadas para entrar na seleção. Por exemplo, a Fleury (FLRY3), Ecorodovias (ECOR3) e Engie Brasil (EGIE3).

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais