A Planner atualizou sua carteira recomendada de ações para dezembro com a entrada de B3 (B3SA3), Neoenergia (NEOE3) e Grupo Notre Dame (GNDI3).

Estes ativos entraram no lugar de C&A (CEAB3), e Locaweb (LWSA3), que foram removidas do portfólio.

Permaneceram na carteira a Ecorodovias (ECOR3), BR Distribuidora (BRDT3), o Grupo M. Dias (MDIA3), a Marfrig (BEEF3), a Telefônica (VIVT3), a Trisul (TRIS3), e a Via Varejo (VVAR3).

Como investir com pouco na B3
Como investir com pouco na B3

Valorização

Conforme relatório encaminhado ao mercado, a carteira Planner obteve valorização de 8,14% em novembro ante uma alta de 15,90% do Ibovespa.

O documento informa ainda que após o fechamento de outubro em meio a muita desconfiança em relação à economia global, com as consequências do novo surto de contaminação pelo coronavírus no mundo, problemas políticos nos EUA e uma pauta travada em Brasília, os investidores decidiram ir às compras.

Planner atualiza carteira recomendada de ações com entrada de B3SA3, NEOE3 e GNDI3

Ibovespa

O Ibovespa foi impulsionado pelo retorno de investidores estrangeiros à B3, com uma entrada líquida de R$ 31,5 bilhões, mas o saldo de retiradas ainda é de R$ 53,4 bilhões.

O desempenho da bolsa em novembro foi surpreendente, considerando um cenário de curto prazo onde as decisões para a economia brasileira não avançam e aumentam as preocupações com a nova onda de contaminação pelo vírus, que tem como único respaldo a expectativa de chegada de vacinas ao mercado até primeiro trimestre de 2021.

Pauta fiscal

Ainda exista no mercado a expectativa de retomada das discussões para pauta fiscal antes da virada do ano, mas é importante lembrar que os parlamentares entram em recesso no dia 23 de dezembro – a sessão legislativa é realizada de 2 de fevereiro a 17 de julho e de 1º de agosto a 22 de dezembro – ou seja, se não houver uma firme disposição de votação da pauta pendente, no curtíssmo prazo, este bom humor do mercado pode não durar muito, a menos que o fluxo de entrada de recursos estrangeiros continue forte.

Expectativa

A gestora diz seguir com expectativa positiva para a bolsa no mês de dezembro, mas com cautela em relação a questões estruturais importantes do lado da economia que deverão se arrastar para o próximo ano.

O mercado financeiro ainda mantém projeções macroeconômicas otimistas para 2021 em relação ao crescimento da economia e projetando juros e inflação comportados.

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: