Goldman Sachs eleva preços-alvo de Gerdau (GGBR4), Usiminas (USIM5) e CSN (CSNA3)

Analistas do Goldman Sachs atualizaram projeções para siderúrgicas brasileiras listadas na B3, enxergando volumes e preços maiores nos próximos trimestres, de acordo com relatório a clientes nesta terça-feira (24), no qual elevaram os preços-alvo de Gerdau (GGBR4), Usiminas (USIM5) e CSN (CSNA3).

Segundo a Reuters, Thiago Ojea e equipe destacaram os quatro aumentos de preços diferentes implementados desde junho, o que impulsionou os resultados do terceiro trimestre das companhias e deixou os preços do aço brasileiro 25% mais altos do que no segundo trimestre, enquanto veem novos reajustes no horizonte.

“Esperamos que o efeito residual dos recentes aumentos de preços, juntamente com o aumento futuro em dezembro/janeiro, tenham um impacto ainda maior nos resultados do quarto trimestre de 2020 e do primeiro trimestre de 2021”, afirmaram, estimando que o aumento do preço do aço de 5% em novembro, enquanto o preço do contrato automotivo aumente em 25% no Brasil.

Usiminas (USIM5): reativação de forno ajudará na retomada econômica

Goldman

No caso de Gerdau, a equipe do Goldman Sachs reiterou a recomendação de ‘compra’, enquanto o preço-alvo subiu de R$ 24,5 para R$ 25. A estimativa para o Ebitda em 2020 e 2021 passou para R$ 7,2 bilhões e R$ 7,9 bilhões, respectivamente, de R$ 6,6 bilhões e R$ 7,2 bilhões anteriormente.

Usiminas, que também tem recomendação de ‘compra’, teve o preço-alvo elevado de R$ 13 para R$ 14,8, enquanto a projeção para o Ebitda passou para R$ 2,6 bilhões neste ano, de R$ 2,3 bilhões antes; e R$ 3,3 bilhões no próximo, de R$ 2,8 bilhões em previsão anterior.

Neutra

A CSN permaneceu com recomendação ‘neutra’, mas o preço-alvo aumentou de R$ 18 para R$ 23. A previsão para o Ebitda agora é de R$ 10,4 bilhões em 2020 e R$ 9,7 bilhões em 2021, acima dos R$ 8,5 bilhões esperados para este ano e R$ 8,4 bilhões calculados para 2021.

“Apesar da performance recente sólida das ações, nós ainda enxergamos ‘upside’ e um ‘valuation’ atrativo para siderúrgicas da América Latina”, afirmaram Ojea e equipe, que ainda elevaram o preço-alvo de Ternium para 30 dólares, de 23 dólares antes, com manutenção da recomendação de ‘compra’.

Ações

Por volta de 16:20, Gerdau PN subia 3,2%, Usiminas PNA avançava 5,95% e CSN ON valorizava-se 5,5%, enquanto o Ibovespa mostrava acréscimo de 2,2%. No ano, esses papéis acumulam elevação de 14,5%, 32% e 60%, respectivamente, contra queda de 5% do Ibovespa. Ternium ganhava 6,4%.

Mais cedo nesta terça-feira, o Inda, entidade que representa o setor de distribuidores de aços planos do Brasil, estimou que 2020 deve encerrar com crescimento de vendas apesar dos impactos da pandemia e vê sinais de nova expansão em 2021, em meio à forte demanda de indústrias que incluem a de construção civil e máquinas e equipamentos.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais