A Planner revisou o ativo CSN (CSNA3) em seu portfólio e optou por reajustar o preço-alvo, que passou de R$ 38,76 para R$ 44. A recomendação é de compra e o potencial de valorização está em 14%, conforme relatório encaminhado ao mercado.

De acordo com o documento, A CSN vive um excelente momento, com os preços do aço e do minério de ferro em alta, expectativa de aumento das vendas dos dois produtos, redução da dívida e a abertura de capital dos segmentos de mineração e cimento. 

Isso tudo vai levar a um expressivo incremento da rentabilidade com a diminuição do endividamento, que sempre foi um ponto de risco da empresa.  “Por isso, revisamos nossas projeções.  Estas ações já subiram muito por todas as expectativas positivas comentadas, com alta de 173,3% nos últimos doze meses e 21,7% somente em 2021”, informou.

E disse mais: “por conta disso, o potencial de alta não é elevado, mas acreditamos que o mercado vai continuar buscando a ação, em função dos bons resultados esperados e dos IPOs que devem ocorrer proximamente.”

CSN (CSNA3) reverte prejuízo com lucro bilionário no 3º tri

CSN Mineração

Com o mercado já projetando a recuperação econômica global, as perspectivas para as aberturas de capital na bolsa neste ano são tão ou mais promissoras do que eram antes da pandemia.

O Ibovespa quebrou seu recorde de pontos na primeira semana do ano, sinalizando que investidores continuam em busca de novas oportunidades de valorização. O número de 28 ofertas públicas iniciais de ações (IPOs) em 2020 foi o maior em 13 anos e, para os próximos meses, 44 empresas já aguardam registro da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para estrear na bolsa.

A CSN Mineração é uma das companhias que deve ser listada ainda este ano, conforme seu grupo controlador já anunciou no ano passado.

CSN (CSNA3): Planner reajusta preço-alvo para R$ 44 e recomenda compra

Veja CSNA3 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor
Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: