AES (TIET11) informa que sua controladora adquiriu ações de emissão da companhia

A AES (TIET11) informou que sua controladora adquiriu ações de emissão da companhia, conforme documento encaminhado ao mercado.

De acordo com a companhia, a AES Energia recebeu correspondência encaminhada pela AES Holdings Brasil, informando que por meio de sua controlada AES Holdings Brasil II, adquiriu ações de emissão da Tietê.

A AES é uma empresa brasileira geradora de energia elétrica.

A empresa obteve lucro líquido de R$ 848 milhões em 2020, crescimento de 182,6% em relação a 2019. Em igual período, o Ebitda total foi de R$ 2,067 bilhões, alta de 100,1% no ano.

Em carta enviada junto aos dados divulgados, a companhia destaca que o ano foi marcado pelo expressivo crescimento dos resultados da AES Brasil, com incremento na margem líquida, Ebitda e lucro líquido, influenciado principalmente pela evolução do processo de resolução do GSF, pelo bom desempenho operacional e pela diligência em relação às despesas e custos operacionais.

AES Tietê (TIET11): lucro líquido avança 235,7% no 2TRI
AES Tietê (TIET11): lucro líquido avança 235,7% no 2TRI

AES – ESG

A construção de uma companhia cada vez mais sustentável e alinhada aos conceitos ESG contribuíram para que a AES Brasil registrasse importantes resultados socioambientais em 2020. Mesmo com os desafios sem precedentes que surgiram no ano por conta da disseminação do novo coronavírus, mais de R$ 14 milhões foram investidos pela empresa em ações socioambientais com foco nas comunidades vizinhas às suas operações.

De acordo com Clarissa Sadock, CEO da AES Brasil., a empresa já vem sendo benchmark nos pilares Ambiental e Social com sua matriz energética 100% renovável, e agora avança ainda mais em Governança, com o processo de migração para o Novo Mercado. Segundo ela, mesmo com os desafios gerados pela pandemia do novo coronavírus, em 2020 a excelência operacional e administrativa foi reafirmada, assim como o compromisso com a geração de valor, sempre orientados pelos mais altos padrões ESG.

Com relação aos projetos ambientais, em 2020, diversos programas como recuperação de nascentes, monitoramento da qualidade das águas dos reservatórios das usinas hidrelétricas e manutenção da fauna foram realizados pela AES Brasil no entorno de suas operações. A proteção e preservação da flora por meio de reflorestamento, em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica, foi contemplada entre as ações protetivas e de recuperação deste bioma e do cerrado brasileiro. Além de ter engajado outras empresas por meio da iniciativa, a AES concluiu o plantio de 243,4 hectares, cumprindo a meta de 243 hectares de reflorestamento estabelecida para o ano.

Veja TIET11 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Leia mais