OPA: Energisa (ENGI3) protocola documento para oferta de aquisição da Rede Energia Participações

A Energisa (ENGI3), companhia de energia elétrica com sede em Cataguases (MG), protocolou pedido de oferta pública de aquisição na CVM (Comissão de Valores Monetários) referente à Rede Energia Participações, conforme fato relevante encaminhado ao mercado na quarta-feira (20).

De acordo com o documento, o processo de registro de oferta foi anteriormente suspenso por conta do procedimento de revisão de preço.

Energisa

Nova avaliação

Assim, com nova avaliação das ações de emissão da Rede Energia, a empresa apresentou para B3 e CVM suas considerações necessárias ao seguimento do processo.

“A companhia encaminhou também para CVM e B3 um laudo de avaliação das ações de emissão da Rede Energia, elaborado pela PricewaterhouseCoopers Corporate Finance & Recovery Ltda., com vistas a contribuir, como referencial balizador independente, para as análises sobre a avaliação no âmbito do processo de registro da oferta”, informou.

E acrescentou: “o laudo elaborado pela PwC também foi enviado à Rede Energia para sua disponibilização ao mercado, na forma da regulamentação aplicável. Por fim, a companhia esclarece que dará continuidade à oferta.”

IPO: Energisa (ENGI3) protocola documento para oferta pública da Rede Energia Participações

OPA

Uma oferta pública de aquisição de ações é uma operação por meio da qual um acionista ou uma sociedade pretende comprar uma participação ou a totalidade das ações de uma empresa cotada em Bolsa.

BlackRock

A gestora BlackRock (BLK) ampliou sua participação na Energisa (ENGI3) por meio da aquisição de ações preferenciais emitidas pela companhia.

De acordo com a Energisa, a BlackRock passou a deter 53.206.736 ações preferenciais de emissão da elétrica, o equivalente a 5,02% dos papéis totais da empresa.

Além disso, também atingiu 3.166.296 instrumentos financeiros derivativos referenciados em ações preferenciais com liquidação financeira, que chegam a 0,29% do total das ações preferenciais emitidas pela Energisa.

“A BlackRock declara, ainda, que tal participação não tem o objetivo de alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da sociedade, servindo estritamente para fins de investimento”, afirmou a Energisa no comunicado.

OPA: Energisa (ENGI3) protocola documento para oferta de aquisição da Rede Energia Participações
Veja ENGI3 na Bolsa:
  • Só clique aqui se você já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais