MoneyGram permitirá negociação de bitcoin em 12.000 localidades nos EUA

A popular casa de câmbio MoneyGram estará realizando a negociação de bitcoins por moeda fiduciária em 12 mil locais diferentes nos Estados Unidos. Isso vai ser possível graças a uma parceria com a exchange Coinme, que deve “levar bitcoin para milhares de novos pontos de vendas nos EUA com planos de expandir para selecionar mercados internacionais na segunda metade de 2021,” diz a empresa.

Bitcoin em casas de câmbio tradicionais

A Moneygram International Inc. e a Coinme, uma casa de câmbio licenciada entre cripto e dinheiro nos EUA, anunciaram na quarta-feira o “lançamento de uma nova parceria para permitir o financiamento em dinheiro e o pagamento de compras e vendas de moeda digital”. Líder global em pagamentos e transferências transfronteiriças, a Moneygram atendeu a quase 150 milhões de pessoas em todo o mundo nos últimos cinco anos. A Coinme é uma operadora de negociação de criptomoedas e caixas eletrônicos (ATM) que atualmente apoia mais de 20.000 locais físicos para comprar e vender bitcoin usando dinheiro por meio de parcerias com a Coinstar e a Moneygram. A colaboração “levará o bitcoin a milhares de novos pontos de venda nos EUA, com planos de expansão para mercados internacionais selecionados no segundo semestre de 2021”, detalham as empresas. O novo serviço criará “rampas globais de entrada e saída de dinheiro” para “garantir o acesso ao bitcoin”. De acordo com o anúncio: “A integração do Moneygram e da Coinme fornecerá uma maneira rápida e fácil para os clientes comprarem bitcoins com dinheiro e retirarem suas participações em dinheiro.” Inicialmente, o serviço estará disponível em locais selecionados da Moneygram nos EUA nas próximas semanas. No entanto, as empresas planejam adicionar mais países e criptomoedas logo em seguida. De acordo com o site da Coinme, o serviço está “disponível em 12.000 locais Moneygram.”
Mapa MoneyGram
Em pontos verdes, os 12.000 locais da Moneygram disponíveis para negociação de bitcoin. Fonte: Bitcoin.com e Coinme.
As empresas observaram que o novo serviço “é especialmente projetado para clientes que possam estar interessados em utilizar bitcoin pela primeira vez”. Alex Holmes, CEO da Moneygram, opinou:
“Essa parceria inovadora abre nosso negócio para um segmento de clientes totalmente novo, já que somos os primeiros a criar um modelo cripto-para-dinheiro, construindo uma ponte com a Coinme para conectar o bitcoin à moeda fiduciária local.”

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais