Mercado de imóveis usados cresce 84,77% no trimestre no Estado de São Paulo

Dados compilados pelo PMI (Painel do Mercado Imobiliário), produzido pela Kenlo, revelam que o movimento do mercado de imóveis usados registrado na plataforma apresentou crescimento de 84,77% no estado de São Paulo, no primeiro trimestre deste ano, em relação a igual período de 2020. Em 2021, foram fechados 6.417 negócios, ante 3.473 no primeiro trimestre do ano anterior, entre vendas e locações.

Tanto capital quanto interior apresentaram crescimento alto, tendo no primeiro caso apresentado um crescimento de 86,08%, saltando de 2.674 negócios para 4.976. Já no interior, o crescimento foi de 80,35%, indo de 799 negócios, para 1.441.

Quando isolamos apenas imóveis voltados à habitação, como casas e apartamentos, o quadro se inverte. Nessa situação, verifica-se um crescimento de 74,65% de crescimento no interior, com volume de negócios de 3.992 no primeiro trimestre, ante 2.286 em igual período de 2020, enquanto na capital o crescimento foi de 60,11%, com 1.156 negócios em 2021, contra 722 em 2020. “Isso demonstra que as famílias têm buscado cada vez mais imóveis mais afastados da capital e, com relação a tipologia dos imóveis, a preferência de casas à apartamentos apesar dos valores atraentes destes.”, explica Denise Ghiu, especialista de mercado da área de inteligência do Kenlo.

Imóveis – PMI

O Painel do Mercado Imobiliário (PMI), criado pelo Kenlo, é uma iniciativa pioneira no Brasil e que proporciona o acompanhamento do mercado de imóveis usados com base em dados obtidos em tempo real, a partir de um ecossistema que contempla 7,2 mil imobiliárias e 44 mil corretores conectados à plataforma, de todas as regiões do país e que atendem a mais de um milhão de proprietários de imóveis. O PMI reúne uma amostragem do mercado imobiliário secundário de treze estados brasileiros nas cinco regiões. Mais detalhes sobre o PMI podem ser obtidos no site.

  • Só clique aqui se já for investidor

A Kenlo

0A Kenlo é uma plataforma que oferece serviços e produtos com a proposta de integrar experiência digital, inteligência de dados e soluções de crédito e seguros para as imobiliárias locais, gerando novas oportunidades e fontes de renda para esse mercado.

A empresa fornece soluções de digitalização para imobiliárias locais, treinamentos para equipes, informações de mercado, possibilitando que as imobiliárias se transformem em plataformas completas de negócios. Em parceria com a Jive Investments, estruturou e lançou um fundo de R﹩ 400 milhões, destinado a gerar crédito imobiliário, com garantia do imóvel, que possibilita a captação 60% do valor do imóvel em empréstimo, com juros mais baixos e prazos longos, com processo totalmente digital.

Em cinco anos, a Kenlo pretende figurar entre os cinco maiores provedores de home equity do país, por meio da 7,2 mil imobiliárias e 44 mil corretores em todo o país. A organização atua no mercado secundário de imóveis (usados) que representam 60% do movimento desse segmento.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais