Magazine Luiza (MGLU3) anuncia aquisição do sistema de busca inteligente SmartHint

A adquirida atende hoje mais de mil clientes

O Magazine Luiza (MGLU3) informou que concluiu a aquisição da empresa de busca inteligente e de recomendação de compra para e-commerce SmartHint Tecnologia. Fundada em 2017, a SmartHint desenvolve tecnologia que eleva a experiência de compra online e auxilia o cliente a encontrar facilmente o que precisa, aumentando de forma significativa a conversão de vendas no e-commerce.

Por meio de ferramentas no modelo SaaS (Software as a Service), a SmartHint atende hoje mais de 1.000 clientes e suas ferramentas geraram R$ 620 milhões em vendas em 2020.

“A aquisição representa mais um importante passo na estratégia da Companhia de digitalização do varejo brasileiro. Com a SmartHint, o Magalu irá ampliar ainda mais a assertividade da busca dentro do seu SuperApp – que já conta com mais de 26 milhões de itens disponíveis. Além disso, a experiência de compra dentro dos mundos e mini mundos – especializados em categorias como moda, esportes, mercado, livros e food delivery – será aprimorada com recomendações ainda mais personalizadas e inteligentes”, disse a companhia em comunicado.

Magazine Luiza (MGLU3) anuncia aquisição do sistema de busca inteligente SmartHint

Magazine Luiza e outras empresas

Um grupo de 12 empresas, incluindo Bradesco (BBDC4), Gerdau (GGBR4), Itaú (ITUB4), Magazine Luiza (MGLU3) e Suzano (SUZB3), se uniu em uma ação coletiva para viabilizar a doação de mais de 5.000 concentradores de oxigênio, que serão utilizados para o tratamento de pacientes com Covid-19 em suas próprias localidades, evitando deslocamentos para outras cidades.

Segundo comunicado, a iniciativa atende a uma chamada pública da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia em apoio ao Ministério da Saúde. A logística dos itens ficará sob responsabilidade do SUS.

Além das já citadas, participam da iniciativa BRF (BRFS3), B3 (B3SA3), Embraer (EMBR3), Grupo Ultra, Marfrig (MRFG3), Natura (NTCO3) e Unipar (UNIP3). A Air Liquide (AIRP) Brasil, líder mundial em gases, tecnologias e serviços para a indústria e saúde, fez a cotação geral para a importação dos equipamentos, ao custo total de R$ 35 milhões.

A expectativa é que os aparelhos sejam enviados aos seus locais de destino no decorrer do mês de abril.

Veja MGLU3 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Leia mais