A Via Varejo (VVAR3) divulgou nesta segunda-feira (4) alta de 20,2% nas vendas no período de 19 a 25 de dezembro frente ao mesmo período do ano anterior, considerando a métrica de Gross Merchandise Volume (GMV), segundo dados preliminares e não auditados.

Em fato relevante, a companhia atribuiu o resultado ao “forte desempenho das vendas do e-commerce (1P+3P) que apresentaram evolução de 125,2%” ano a ano.

A Via Varejo ainda disse que a participação do vendedor online (‘me chama no Zap’) foi de 24% das vendas do comércio eletrônico no período, de 16% no terceiro trimestre de 2020.

Via Varejo (VVAR3) cresce 20,2% em vendas GMV no Natal de 2020

BTG Pactual

A companhia informou o encerramento do contrato com o Credit Suisse, que teve início em 2016, para formador de mercado.

Além disso, a companhia anunciou a contratação do BTG Pactual como novo formador de mercado pelo período de um ano, prorrogável automaticamente por iguais períodos caso não haja manifestação de qualquer das partes em sentido contrário.

A contratação tem por objetivo fomentar a liquidez das ações de emissão da empresa. Atualmente, a Via Varejo possui 1,5 milhões de papéis ordinários em circulação no mercado.

“A empresa esclarece ainda que não celebrou qualquer contrato regulando o exercício de direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários de sua emissão com o BTG Pactual DTVM”, informou.

A empresa

Via Varejo S.A. é uma empresa de comércio varejista brasileira fundada em 2010, responsável pelas redes de lojas das bandeiras Casas Bahia e Pontofrio e das suas respectivas lojas virtuais, da fabricante de móveis Bartira, além de ser a administradora do site de e-commerce Extra.com.br.

Veja VVAR3 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: