A Telefônica Brasil (VIVT4) foi sancionada administrativamente pela Controladoria-Geral da União (CGU) por dar ingressos para jogos da Copa do Mundo de 2014 a agentes públicos, de acordo com fato relevante da empresa à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta sexta-feira (16).

A Telefônica Brasil disse que pagará uma multa de R$ 45,7 milhões e acrescentou que a CGU não encontrou dano à administração pública ou vantagens auferidas pela companhia em razão dos ingressos oferecidos

De acordo com a empresa de telecomunicações, que opera sob a marca Vivo, a distribuição dos ingressos ocorreu no contexto de ações de marketing e promoção institucional.

Vivo (VIVT4) entra no mercado financeiro com oferecimento de crédito pessoal

Empréstimos

A Vivo anunciou seu mais novo serviço de crédito pessoal com empréstimos que vão de R$ 1 mil até R$ 30 mil.

O serviço, batizado de “Vivo Money”, poderá ser contratado de forma 100% digital a partir da próxima segunda-feira (19) e tem como foco clientes Controle e Pós-Pago da operadora.

Em um comunicado à imprensa, a operadora afirmou que este lançamento vai reforçar seu posicionamento como hub de serviços digitais, “oferecendo a seus clientes muito além de serviços de telecomunicações”.

Requisitos para o empréstimo

Inicialmente, a operadora permitirá a contratação por um número limitado de clientes. Apenas aqueles que receberam a oferta do Vivo Money em um dos canais de comunicação da operadora poderão pedir empréstimos.

No entanto, é necessário atender alguns requisitos para ter o pedido avaliado em uma análise de crédito:

  • Ter um CPF válido;
  • Ser maior de 20 anos;
  • Ser titular de uma conta bancária (corrente ou poupança);
  • Possuir e-mail ativo.

Além disso, a linha de telefone celular do cliente deve estar ativa e sem dívidas. Uma vez que todas essas exigências forem satisfeitas, é possível contratar o serviço através do celular, tablet ou computador pelo site www.vivomoney.com.br.

Veja VIVT4 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: