Restituição do IR: veja quem tem direito ao 2° lote, que irá liberar R$ 5,7 bi

O primeiro lote da restituição foi o maior da história e devolveu R$ 6 bilhões aos cidadãos

A Receita Federal irá liberar a consulta ao 2° lote da restituição do IR (Imposto de Renda) nesta quarta-feira (23). Todavia, os pagamentos dessa vez serão a partir do dia 30 de junho. A restituição irá devolver aos contribuintes R$ 5,7 bilhões.

É possível realizar a consulta e verificar quem tem direito ao segundo lote acessando a página online da Receita. Dessa forma, também há como consultar através do aplicativo da instituição, o mesmo usado para declarar o Imposto de Renda.

Quem tem direito e como funciona?

Para quem faz a declaração ao Imposto de Renda, tem uma porcentagem descontada em seus salários. Após isso, a Receita Federal devolve uma certa quantia ao contribuinte, paga a mais.

O maior lote de restituição pago foi o 1° lote de 2021, que devolveu R$ 6 bilhões aos contribuintes. Os pagamentos serão feitos em 5 lotes. Portanto, a expectativa é de que o último seja liberado em setembro.

No entanto, há alguns grupos prioritários para receber a restituição. Idosos acima de 80 anos; contribuintes entre 60 e 79 anos; aqueles que apresentem alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e, por último, cidadãos cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Restituição do IR: Veja quem tem direito ao 2° lote, que irá liberar R$ 5,7 bi

O que fazer com a restituição?

Para aqueles que têm direito à restituição por ter pago impostos de mais no ano, há algumas coisas que podem ser feitas com o ‘dinheiro extra’.

Um exemplo, é pagar dívidas atrasadas. Em um ano de pandemia, com altos e baixos na vida financeira de muita gente, parte da população acumulou dívidas. Portanto, pagar aquela conta mais urgente ou adiantar parcelas de um financiamento para se livrar no futuro pode ser uma boa escolha.

Além disso, investir é sempre uma opção. Seja em renda fixa ou variável, colocar o dinheiro para render será benéfico. Assim como, dedicar-se ao seu crescimento profissional. Dessa forma, a pessoa pode aproveitar esse dinheiro para fazer cursos que possam contribuir para o seu destaque no mercado de trabalho.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais