A Qualicorp (QUALI3) anunciou nesta quinta-feira (17) que ampliou sua parceria comercial com a Notre Dame Intermédica (GNDI3) para venda de produtos em todos os canais da Quali.

“Antes restrito aos segmentos PME, Empresarial e ao canal interno de vendas, a expansão da parceria permitirá a oferta de planos da Notre Dame no mix de produtos Quali no segmento coletivo por adesão em todos os canais de distribuição”, afirmou a Qualicorp.

Qualicorp (QUAL3) reporta lucro 21,5% maior no 2TRI20

Delação premiada

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu na última segunda-feira (14) homologar o acordo de colaboração premiada do empresário José Seripieri Filho, fundador e ex-presidente da Qualicorp, empresa que atua na área de seguro de saúde.

Segundo o Estadão, a delação atinge o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci, o deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG), os senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e José Serra (PSDB-SP), e o ex-senador Romero Jucá (MDB-RR).

O acordo

O acordo pode abrir novas linhas de investigação na Operação Lava Jato e seus desdobramentos, em um momento em que a cúpula da PGR trava uma guerra interna com as forças-tarefa em Curitiba, São Paulo e no Rio. A Lava Jato foi a principal operação contra a corrupção da História do País e atingiu o mundo político de forma devastadora – mas está com o futuro em aberto.

A multa prevista no acordo do fundador da Qualicorp é de cerca de R$ 230 milhões. A delação, acertada com a Procuradoria-Geral da República (PGR), foi um dos vinte acordos assinados pela gestão de Augusto Aras neste ano – alguns ainda aguardam a homologação.

As acusações

Com a validação do acordo pelo ministro Luís Roberto Barroso, as acusações apresentadas pelo empresário poderão fundamentar apurações e levar à abertura de novos inquéritos. A delação foi homologada pelo STF por envolver autoridades com prerrogativa de foro perante o Supremo, especialmente integrantes da classe política. Barroso manteve sob sigilo o teor da delação.

Um dos trechos da delação, que traria implicações sobre nomes do MDB do Senado, diz respeito às negociações de uma medida provisória. Uma fonte que acompanha o caso apontou que o acordo não atinge nomes do PT.

Veja QUAL3 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: