Em dia amargo na Bolsa, ações da Qualicorp (QUAL3) caem mais de 15% após divulgação do balanço

No segundo trimestre, a companhia registrou uma queda de 28,4% em seu lucro

Nesta quarta-feira (11), as ações da Qualicorp (QUAL3) se encontram em destaque após registrarem uma queda de 15,57%, chegando a R$ 20,50.

A companhia líder em gestão, comercialização e administração de planos de saúde registrou uma queda no lucro do segundo trimestre de 2021. Com efeito, principalmente, das grandes despesas financeiras e campanhas de vendas. 

O lucro no intervalo entre abril e junho acumulou R$ 90,3 milhões, um tombo de 28,4% em comparação com o mesmo período de 2020. 

Registros do 2T21 da Qualicorp

Apesar de ter apresentado um crescimento de 6,9% por ano da receita líquida, em R$ 517,2 milhões, houveram descontos em maiores despesas como o investimento no marketing da companhia.

Desse modo, o lucro antes dos descontos de juros, impostos, depreciação e amortização caiu 19,9%, alcançando R$ 234 milhões, o que repercutiu em grandes iniciativas da Qualicorp para acelerar as vendas e divulgações.

Logo, a margem Ebitda foi reajustada para 38,9%, caindo 9,4 pontos percentuais, número inferior à margem considerada justa para o negócio a longo prazo.

Sob olhar dos analistas

Segundo ponto de vista dos analistas do Credit Suisse, os resultados foram abaixo do esperado. Contudo, a Qualicorp ampliou o portfólio de adesão Médico-Hospitalar, elevando a base anual a 7,3%.

Embora tenha registrado uma queda de 0,5% em relação ao primeiro trimestre, a companhia informou um novo recorde, com 132,1 mil novas vidas, entre o intervalo de abril e junho. Assim, batendo a meta de vendas, de 40 a 45 mil novos planos.

O desempenho da empresa se deu devido a novas iniciativas concretizadas durante o trimestre. Por exemplo, estreia de novos produtos e ampliação no portfólio; novas parcerias comerciais; canais de distribuição através de fusões e aperfeiçoamento no relacionamento e desenvolvimento no canal de vendas.

Para os analistas do Credit Suisse, o índice de cancelamento de clientes foi elevado, de aproximadamente 10,6%. Logo, este fator também está em destaque no relatório dos analistas.

Para o BBA, os lucros obtidos pela Qualicorp ficaram 21% inferior à expectativa dos analistas. Portanto, eles acreditam em uma retomada gradual dos lucros nos próximos trimestres.

Em dia amargo na Bolsa, ações da Qualicorp (QUAL3) caem mais de 15% após divulgação dos lucros
Imagem de divulgação Qualicorp

Momento de comprar?

Nesse sentido, os analistas do BBA estão na expectativa sobre os esforços da companhia em iniciativas comerciais e novos resultados. Além disso, vão monitorar a dinâmica de adição em busca de tendências claras e sustentáveis.

Desse modo, eles mantêm a recomendação outperform (desempenho acima da média) para os ativos, com um preço-alvo estabelecido em R$ 39 por papel. Logo, este valor simboliza uma valorização de 60% em relação ao encerramento de ontem (10).

Porém, de acordo com o Credit Suisse, a Qualicorp está atrás de melhores adições brutas para eliminar as maiores despesas comerciais.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais