A CSU CardSystem (CARD3) informou que pagará juros sobre capital próprio (JCP) no dia 14 de janeiro. O comunicado foi encaminhado ao mercado nesta segunda-feira (11).

De acordo com o documento, o montante a ser pago é de R$ 12,5 milhões, valor que será imputado ao dividendo estatutário relativos ao exercício social de 2020, “ad referendum” da Assembleia Geral Ordinária de 2021.

A companhia se posiciona como líder no mercado brasileiro de tecnologia voltada ao processamento de transações eletrônicas de pagamento, relacionamento com clientes e programas de recompensa voltados ao engajamento e fidelização.

Já os pagamentos serão realizados conforme cadastro na instituição depositária das ações de emissão da empresa, Banco Itaú Unibanco.

Com isso, os acionistas (i) terão seus créditos disponíveis a partir da data de início de distribuição dos proventos ou (ii) cujo cadastro não contenha CPF/CNPJ ou indicação de Banco/Agência/Conta, somente terão seus créditos disponíveis a partir do 3º dia útil contado da data da atualização cadastral. Esclarecimentos adicionais poderão ser obtidos pelos telefones 3003-9285 (capitais e regiões metropolitanas), 0800 720 9285 (demais localidades) ou em qualquer agência Itaú.

CSU CardSystem (CARD3) pagará juros sobre capital próprio em 14 de janeiro

Veja o montante a ser pago

CSU CardSystem (CARD3) pagará juros sobre capital próprio em 14 de janeiro

3º tri

O lucro líquido da CSU Cardsystem (CARD3) cresceu 52,1% no terceiro trimestre de 2020, de acordo com o relatório divulgado ontem à noite. Em um ano, o montante passou de R$ 8 milhões para R$ 12,1 milhões.

A receita líquida da companhia teve alta de 7,3% e totalizou R$ 113,6 milhões. Por divisão de negócio, a CSU.Cardsystem (que inclui a divisão Cardsystem e Marketsystem) foi responsável por R$ 55 milhões (-1% no comparativo anual) e a CSU.Contact por R$ 58,7 milhões (+16,5%).

O Ebitda, que representa o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, atingiu R$ 33,8 milhões – avanço de 22,3% em relação aos R$ 27,6 milhões do terceiro trimestre de 2019. A margem Ebitda do período foi de 29,8%.

Os custos da CSU Cardsystem somaram R$ 78,6 milhões no trimestre, alta de 2,1% em relação ao mesmo intervalo do ano passado. O crescimento em valor foi de R$ 1,6 milhão, sendo crescimento de R$ 4,9 milhões na CSU.Contact e redução de R$ 3,3 milhões na CSU.Cardsystem.

No relatório, a administração da companhia disse que segue atenta a oportunidades de fusões e aquisições, visando ganhar mais clientes e alavancar as receitas.

Veja CARD3 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor
Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: