A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), listada sob o ticker CSNA3, apresentou lucro líquido de R$ 3,897 bilhões no quarto trimestre de 2020 ante R$ 1,134 bilhão em igual período de 2019, um aumento de quase 3,5 vezes, conforme relatório encaminhado ao mercado na segunda-feira (22).

De acordo com o documento, a receita líquida somou R$ 9,794 bilhões de outubro a dezembro do ano passado, aumento de 50,1% ante os R$ 6,524 bilhões de igual intervalo de 2019.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado foi de R$ 4,738 bilhões no último trimestre de 2020, o tripo do R$ 1,580 bilhão no mesmo período de 2019.

CSN (CSNA3) reverte prejuízo com lucro bilionário no 3º tri

CSN: vendas

As vendas de aço aumentaram 10% e as de minério de ferro recuaram 16% no quarto trimestre de 2020, nos dois casos com destaque para o mercado externo.

No resultado fechado de 2020, o lucro líquido foi de R$ 4,239 bilhões, quase o dobro do ganho de R$ 2,245 bilhões em 2019, com Ebitda ajustado de R$ 11,5 bilhões, 58,6% acima do de 2019.

Guidance

Segundo o guidance, a empresa projeta atingir aproximadamente 1.0x de dívida liquida/Ebitda ajustado e R$ 15 bilhões de dívida líquida no fechamento do balanço anual de 2021.

A Companhia Siderúrgica Nacional é a maior indústria siderúrgica do Brasil e da América Latina, e uma das maiores do mundo.

Veja CSNA3 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor
Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: