O Bank of America (BofA) informou nesta sexta-feira (11) que seus clientes de gestão de fortunas aumentaram ainda mais a alocação para ações em suas carteiras na semana passada, fechando nos níveis recordes vistos em março de 2015, enquanto se preparam para retornos mais fortes em 2021.

Segundo a Reuters, os investidores despejaram US $ 18,1 bilhões em fundos de ações na semana até quarta-feira, mostraram os dados de fluxo semanais do BofA, elevando os ingressos nas últimas seis semanas para um recorde de US $ 140 bilhões, à medida que grandes descobertas de vacinas aumentaram as esperanças de que as economias poderiam se aproximar da normalidade em 2021.

Bank of America reduz a 4,9% a projeção de queda do PIB do Brasil em 2020

Sentimento de risco

Conforme o banco, o sentimento de risco é ainda apoiado pelas políticas acomodatícias dos bancos centrais, que vêm adquirindo ativos a US $ 1,3 bilhão por hora.

“Os bancos centrais nunca foram tão dovish nesse nível de preços de ativos e valorização”, disse o BofA, citando a valorização crescente no indicador de ações do MSCI em todo o mundo. Em 25,3 vezes os lucros futuros, a avaliação do índice tem pairado perto dos níveis de março de 2000.

Na semana

Na semana até quarta-feira, as ações de mercados emergentes atraíram US $ 3,9 bilhões, uma quinta semana de grandes ingressos enquanto os investidores se preparam para “o ano da vacina”, segundo nota do BofA aos clientes.

O banco de investimento dos EUA disse que seus clientes com ativos administrados de US $ 2,9 trilhões alocaram 61,5% em ações, pouco abaixo do recorde de 62,5% de quase seis anos atrás.

‘Bull & Bear’

O BofA disse que seu indicador ‘Bull & Bear’ – um indicador do sentimento do mercado – estava se aproximando rapidamente dos níveis de “alta extrema”, saltando de 4,7 para 6,6 em apenas duas semanas. O indicador vai de zero, indicando extremamente baixa e “compra”, a 10, sinalizando extremamente alta e “venda”.

Cerca de US $ 28 bilhões entrando em caixa na última semana foi outro sinal de cautela antes do feriado de Natal.

https://youtu.be/w_B42Di3moU
Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: