O BB Investimentos analisou a SLC Agrícola (SLCE3) em seu portfólio e optou por manter o preço-alvo de R$ 30 por ação, bem como a recomendação de compra.

Conforme relatório, além do cenário favorável para os preços das commodities, também há uma positiva política de hedge adotada pela empresa, que consiste em travar o preço de venda de forma mais favorável, compensando maiores custos em virtude do dólar mais forte.

“Também a estratégia da empresa de antecipar compra de insumos que tem se mostrado acertada. Nesse sentido, a empresa mencionou em conferência de resultados ontem que já tem antecipado, inclusive, compra de insumos para safra 2021/22, com dólar em patamares mais favoráveis comparado à safra 2020/21”, disse.

Agronegócios

3º tri

Ainda de acordo com o relatório, a SLC reportou um resultado misto no terceiro trimestre. O desempenho operacional bruto da soja e do milho, impulsionado principalmente pelo aumento em preços, compensou o cenário mais desfavorável para o algodão no período.

“Como resultado, o EBITDA ajustado totalizou R$ 235 milhões, um incremento de 31% a.a, com margem de 30,2% vs 26,2% no terceiro trimestre de 2019. Adicionalmente, ainda resultado da revisão efetuada para produtividade do algodão para safra 2019/20, foi reconhecido no trimestre uma variação negativa do valor justo da cultura. Como resultado, a empresa encerrou o período com prejuízo de R$ 36 milhões.”

SLC Agrícola (SLCE3): BB Investimentos mantém preço-alvo com recomendação de compra

Gestão de risco

Vale destacar, disse o BB, que a política de gestão de risco adotada pela empresa tem permitido menor impacto da volatilidade cambial em seus resultados.

“Assim, observamos impacto limitado no resultado financeiro e na alavancagem da empresa que, devido também à forte geração de caixa e à melhora no capital de giro característico do semestre, apresentou redução de 0,4x t/t, deixando a empresa em situação ainda mais confortável para seguir sua estratégia de expansão de área plantada à frente. Também como resultado da geração positiva de caixa, a SLC deve pagar juros sobre capital próprio aos acionistas no montante de R$ 37,1 milhões ainda esse ano”, destacou.

SLCE3: desempenho das ações

Dada a perspectiva favorável para o setor de agronegócios no Brasil e resultados resilientes apresentados pela empresa ao longo do ano, as ações de SLC Agrícola apresentam uma valorização positiva de 13% em 2020 (considerando o fechamento de 06/11). Apesar do fraco resultado apresentado para a cultura do algodão, que limitou maiores ganhos no 3T20, ainda estamos otimistas com o cenário traçado à frente.

“Além do cenário favorável para os preços das commodities, voltamos a destacar como positiva a política de hedge adotada pela empresa, que consiste em travar o preço de venda de forma mais favorável, compensando maiores custos em virtude do dólar mais forte. Também a estratégia da empresa de antecipar compra de insumos também tem se mostrado acertada.”

Veja SLCE3 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: