Saiba quais são as maiores empresas do setor de saúde listadas na Bolsa de Valores

Entre 2020 e 2021, houve uma série de ofertas públicas iniciais (IPO) de empresas deste setor

O setor de saúde no Brasil, composto por diversas varejistas, gestoras de planos e farmacêuticas, ganhou uma grande representatividade na Bolsa de Valores brasileira (B3) no último ano.

Isso porque houve uma série de ofertas públicas iniciais (IPO) deste setor entre 2020 e 2021, como a abertura de capital da Rede D´Or. Em razão da redução da taxa de juros e o reforço na demanda de serviços, essas empresas foram incentivadas a buscar mais capital.

Além disso, outro fator relevante para a valorização do setor de saúde foi a pandemia da Covid-19. Desse modo, há uma grande expectativa no mercado de que essas companhias se consolidem cada vez mais.

Descubra quais são as maiores empresas do setor da saúde negociadas na Bolsa de Valores:

1 – Notre Dame Intermédica (GNDI3)

Em primeiro lugar, se encontra o Notre Dame Intermédica, considerado um dos maiores grupos nacionais do setor de saúde, o qual também integra um percentual de 1,568% do Ibovespa.

Desde 2018, a companhia, que disponibiliza planos de saúde, serviços hospitalares e até odontológicos, pode ser negociada na Bolsa. 

Contudo, a Notre Dame é considerada uma empresa de perfil agressivo, devido a série de aquisições realizadas no intervalo de dois anos. Por exemplo, a Amiu, GreenLine, Mediplan Sorocaba e Belo Dente OdontoPlano.

Em contrapartida, no segundo trimestre deste ano, o Grupo Notre Dame Intermédica reportou um prejuízo líquido de R$ 48 milhões, revertendo o lucro líquido de R$ 223,4 milhões obtido no segundo trimestre de 2020. No entanto, o valor de mercado da companhia foi de R$ 38.171.519,90 no último mês. 

2 – Hypera Pharma (HYPE3)

A Hypera Pharma é líder no segmento farmacêutico da Bolsa de Valores que tem como foco o mercado de varejo. Nos últimos anos, a empresa tem atuado acima da média, com bons resultados na B3.

Sendo assim, detém ampla malha logística, uma série de produtos em seu portfólio e ganha no mercado de balcão (distribuições, compra e venda de ações).

Além disso, no segundo trimestre deste ano, a Hypera reportou um crescimento de 18,7% em relação ao mesmo período em 2020, com lucro líquido de R$ 470,6 milhões. Logo, o valor de mercado da companhia, de acordo com a Bolsa, foi de R$ 21.685.765,46 em fevereiro de 2020.

Veja quais são as maiores empresas do setor de saúde listadas na Bolsa de Valores
Valorização do setor da saúde na B3

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3 – Qualicorp (QUAL3)

Para fechar o ranking, surge a Qualicorp, que opera no segmento de planos de saúde coletivos por adesão. Isto é, integra grupos a parte da área de atuação ou profissão de forma conjunta.

Dessa maneira, a empresa detém mais de 30 mil clientes. Ao todo, são cerca de 2,5 milhões de beneficiários, atuando na comercialização da saúde, viabilização e, principalmente, na administração de planos de saúde com foco no ambiente corporativo.

No segundo trimestre deste ano, a companhia bateu recorde de venda de planos de saúde. Assim sendo, sua adesão foi de 132,1 mil novos clientes, o que corresponde a um crescimento de 32% se comparado ao primeiro semestre de 2021.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais