IPO: Dotz, Livetech e Allied Tecnologia entram na fila para oferta inicial

A administradora de programas de fidelidade e de contas digitais Dotz pediu na segunda-feira (22) registro para uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), com empresas brasileiras de diferentes setores mantendo planos de captar recursos na bolsa mesmo com a forte volatilidade do mercado diante da percepção de maior risco político.

Segundo a Reuters, a Dotz opera programas de recompensas em parceria com emissores de cartão de crédito, supermercados e farmácias. A companhia afirma no prospecto da oferta que tinha no fim de 2020 uma base de 9 milhões de cliente ativos no programa de pontos e 1,9 milhão em seu marketplace, considerando o período de 12 meses.

IPO: Dotz, Livetech e Allied Tecnologia entram na fila para oferta inicial

Receita

Em 2020, a Dotz teve receita líquida de R$ 111 milhões, queda de 12,7% ante o ano anterior, recuo atribuído pela companhia a uma “modalidade de contrato específica modificada a partir 2016” e aos efeitos da crise gerada pela Covid-19.

Além disso, devido a investimentos no negócio Pay, a Dotz teve Ebitda ajustado negativo de R$ 7,34 milhões em 2020.

Aquisição

Em fevereiro de 2019, a Dotz comprou a rival Netpoints, que via como única concorrente no mercado de coalizão no varejo. No ano passado, lançou sua plataforma de marketplace, a Loja Dotz e o aplicativo de sua conta digital.

A oferta, que será coordenada por BTG Pactual (BPAC11), Itaú BBA, UBS-BB e Credit Suisse (CSGN), pretende levantar recursos para a Dotz fazer aquisições de empresas e para desenvolver seus negócios. Além disso, o fundo Ascet I, veículo de investimentos do presidente e fundador Alexandre Chade, também venderá uma fatia no negócio.

Livetech

A Livetech da Bahia, que opera com tecnologia wireless e de segurança predial eletrônica, pediu ontem registro para uma oferta inicial de ações (IPO).

A operação, que envolve a venda de ações novas, cujos recursos vão para o caixa da companhia, e a de papéis detidos por atuais sócios, será coordenada pelo BTG Pactual (BPAC11).

A empresa

Fundada em 2003, a empresa qe o nome oficial WDC, se apresenta como líder em soluções para internet banda larga, segurança eletrônica, telefonia via internet, redes wi-fi, infraestrutura de redes, cibersegurança e energia Solar.

Allied Tecnologia

A distribuidora de produtos de eletrônicos Allied Tecnologia anunciou nesta segunda-feira que contratou bancos para assessorar uma eventual oferta inicial de ações primária e secundária.

A companhia afirmou em fato relevante que contratou BTG Pactual (BPAC11), Bradesco BBI, Itaú BBA, XP e Easyinvest para coordenarem uma possível operação.

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais