Bloxs lança segmento para investidores com alto poder aquisitivo e mira R$ 1 bi até 2023

O braço começou a ser estruturado no início deste ano

A Bloxs Investimentos, uma das principais plataformas de investimentos alternativos do país atuando dentro da ICVM 588, acaba de lançar uma área voltada para investidores de maior envergadura como single family offices, multi family offices e gestores de patrimônio – o Bloxs Capital.

O braço começou a ser estruturado no início deste ano como parte do plano de expansão da fintech, traçado desde a entrada da DOMO Invest em seu quadro societário em fevereiro de 2020. A expectativa é que com a nova área até o final de 2023 sejam realizados R$ 1 bilhão em operações captadas nos segmentos de real estate, energia renovável, agronegócios e saúde.

De acordo com Felipe Souto, CEO e fundador da fintech, o lançamento deste segmento é um marco importante para a Bloxs e vai de encontro à onde a empresa espera chegar. “Trabalhamos muito ao longo do ano de 2020 para estruturar um pipeline de projetos consistentes em diferentes áreas e estamos prontos para voos mais altos como esse, que deve acontecer principalmente com a chegada dos investidores profissionais. Estamos no caminho que sempre miramos e a nossa meta é ambiciosa, esperamos atingir o marco de R$ 1 bilhão em operações até 2023”, explica o empreendedor.

Bloxs lança segmento para investidores com alto poder aquisitivo e mira R$ 1 bi até 2023

Bloxs

O setor criado terá total independência e funcionará paralelamente com a marca e time próprio. Sob a Bloxs Capital, a área será liderada por Marcelo Mello, antigo diretor comercial da EM Funding que voltou recentemente de Londres onde liderava a área de Institutional Sales da empresa. Antes disso, Marcelo foi sócio fundador de um dos primeiros fundos multimercados quantitativos do Brasil, o Azul Quantitativo.

“Cada vez mais fica evidente o rumo dos investidores brasileiros na direção dos ativos alternativos, como energia renovável, investimentos florestais e real estate direto. Adicionalmente, as fintechs de investimentos trazem uma nova visão sob estas possibilidades e o projeto da Bloxs consegue unir o melhor desses dois mundos”, comenta Mello.

A Bloxs Capital tem como proposta ser a ponte entre as diversas operações originadas pela plataforma e os investidores profissionais, seja por meio de um contato direto ou ainda através da montagem de veículos de investimento com esse fim, como Fundos de Participação ou Fundos Imobiliários.

“Essa ideia não é nova, já faz algum tempo que os investidores profissionais vêm acompanhando o nosso trabalho de perto e as operações que estamos ofertando por meio da nossa plataforma. Mas atender esse público demandava uma consistência das teses de investimento, volume e validação do modelo”, completa Felipe.

Verticais

As primeiras verticais que terão a atenção total da Bloxs Capital serão os segmentos de Energia Renováveis com foco em Geração Distribuída, Real Estate com ênfase em operações residenciais para renda e o de investimentos florestais, uma vez que em todas elas a fintech possui um pipeline de projetos robustos já contratado e que deverão ser ofertados nos próximos meses. Para todos esses segmentos, além das ofertas convencionais via ICVM 588, já existem conversas avançadas na criação de FIPs temáticos.

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais