Bitcoin tem queda após bater máxima, mas cenário ainda é positivo, diz especialista

Atualmente em 57 mil dólares, o equivalente a R$ 317.843,99

Logo em seguida do recorde histórico de 63 mil dólares, o Bitcoin caiu da marca dos 60 mil para algo mais que 50 mil dólares. Atualmente em 57 mil dólares, o equivalente a R$ 317.843,99, o momento deixa o mercado em alerta com a queda, mas Tasso Lago, especialista em criptomoedas e fundador da Financial Move, destaca que são oscilações comuns ao mercado de moedas digitais e que o cenário ainda está positivo.

“Não se tem um motivo específico para essa queda, visto que diversos fatores influenciam as moedas digitais. Mas ainda assim, o Bitcoin está com valorização de 480,04% de outubro de 2020 até março de 2021, e já recuperou parte das perdas dessa última alteração no gráfico”, explica o especialista, que aponta ainda para a oportunidade de entrada para novos investidores que as quedas propiciam, uma vez que o mercado está em tendência de alta.

Bitcoin tem queda após bater máxima, mas cenário ainda é positivo, diz especialista

Bitcoin

Como o mercado de criptos é altamente correlacionado, então é comum que outras moedas sejam influenciadas pelas alterações que o Bitcoin passa, salvo raras exceções. “Isso ocorre porque o Bitcoin é a primeira criptomoeda que as pessoas conhecem, então o dinheiro entra primeiro ali e, depois, quando essa pessoa começar a estudar sobre altcoins e entender melhor o mercado, ela investe dinheiro em outras moedas. Por isso, o Bitcoin é sempre o mais importante”, explica Tasso.

Existem algumas criptomedas que são pareadas com o dólar, de 1 para 1, como a Tether (USDT) e TrueUSD (TUSD), por exemplo, e teoricamente não tem grandes alterações, mas “só vale a pena investir nelas se quiser deixar o dinheiro parado em dólar, ficando sujeito apenas a exposição cambial, que é a oscilação do dólar” indica Lago. A chegada do IPO da Coinbase aliada às movimentações de empresas como VISA, Tesla e Pay Pal na última semana trouxeram não só ganhos, mas também maior credibilidade ao mercado de moedas digitais.

“Essas operações trazem um hype para a tecnologia e agregam valor às organizações pela inovação. Isso ajuda também a cativar confiança nas pessoas que antes não associavam Bitcoin a um investimento sério”, conclui o fundador da Financial Move.

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais