Intelbras (INTB3) fecha parceria com Qualcomm para produzir 5G no Brasil com exclusividade

A empresa ganhará exclusividade na América Latina em relação a produção de dispositivos na nova geração

Nesta terça-feira (24), a Intelbras (INTB3) anunciou um projeto que tem como colaborador a Qualcomm Technologies. O principal objetivo é desenvolver e produzir o 5G Customer Premise Equipment (CPE) no Brasil.

Depois dessa iniciativa, a Intelbras se tornará pioneira na parceria com a Qualcomm na linha do 5G. Sendo assim, a empresa ganha exclusividade na América Latina em relação a produção de dispositivos na nova geração para operadoras de telecomunicações, provedores de acesso e conteúdo ao consumidor.

Sobre o projeto

O projeto, nascido da parceria entre as duas instituições, pretende suprir a solicitação de operadoras e provedores de internet no Brasil. Isso porque, após diversos leilões de frequências para o 5G, houve um aumento significativo na demanda e necessidade de desenvolvimento do ecossistema de novos dispositivos e Wi-Fi 6 no país.

Dessa forma, a parceria tornará a Intelbras a primeira empresa brasileira a caminhar a passos largos em direção ao desenvolvimento de soluções baseadas no SDX 62, assim como na cadeira mundial de produção do 5G. Em suma, isso tornará o Brasil uma parte crucial do setor produtivo para a quinta geração de conectividade.

Além disso, a empresa informou que pretende fornecer uma conexão de alta qualidade, velocidade e latência, questões que se equivalem à fibra óptica. Tudo isso sem necessitar de cabeamento e instalação.

Logomarca Intelbras

A Intelbras

Nascida nos anos 70, a Intelbras (Indústria de Telecomunicação Eletrônica Brasileira) é uma companhia especializada em vários equipamentos. Entre eles, os domésticos, corporativos, equipamentos de rede de segurança eletrônica, energia e comunicação.

Dessa forma, a empresa é dona de um portfólio extenso, que inclui câmeras de segurança, telefones domésticos, roteadores, placas de rede, alarmes, portaria eletrônica, além de interfones e aparelhos dedicados à videoconferência.

Além disso, as marcas Automatiza e Engesul foram adquiridas pela Intelbras em 2013.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais