Viver (VIVR3) anuncia emissão de ações para aumento de capital

A Viver Empreendimentos (VIVR3) anunciou emissão de ações para aumento de capital, conforme aviso aos acionistas encaminhado ao mercado nesta terça-feira (26).

De acordo com o documento, trata-se de aumento do capital social dentro do limite do capital autorizado, para subscrição privada.

Terra Investimentos divulga carteira recomendada de ações para dezembro

O valor

O valor do aumento de capital será de, no mínimo, R$ 6.350,00 mil a R$ 55.119.330,96 milhões mediante a emissão de, no mínimo, cinco mil ações ordinárias e, no máximo, 43.401.048 milhões de ações ordinárias, todas nominativas e sem valor nominal, ao preço de emissão de R$ 1,27 por ação.

Caso haja a subscrição máxima, o capital social da companhia passará de R$ 2.339.024.774,98 bilhões representado por 97.028.764 milhões de ações ordinárias, nominativas e sem valor nominal, para R$ 2.394.144.105,94 bilhões representado por 140.429.812 milhões  de ações ordinárias, nominativas e sem valor nominal.

Viver Empreendimentos (VIVR3) anuncia emissão de ações para aumento de capital

Subscrição mínima

Caso haja a subscrição mínima, o capital social passará de R$ 2.339.024.774,98 bilhões representado por 97.028.764 milhões de ações ordinárias, nominativas e sem valor nominal, para R$ 2.339.031.124,98, representado por 97.033.764 milhões de ações ordinárias, nominativas e sem valor nominal.

O aumento de capital será realizado mediante subscrição de ações e integralização por meio da capitalização de créditos detidos contra a Companhia pela Polo Capital Management e NPL Brasil Gestão de Ativos Financeiros LTDA, credores extra concursais detentores de créditos oriundos de Dívida Corporativa, os quais não foram abrangidos no plano de recuperação judicial da Companhia aprovado nos autos do processo sob o número 1103236-83.2016.8.26.0100 que tramita perante a 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Foro Central Cível da Comarca de São Paulo, e pelos acionistas que exercerem o direito de preferência.

Destinação

O aumento de capital destina-se à quitação dos créditos, com a consequente redução do endividamento da companhia.

A escolha da forma de pagamento dos créditos mediante a emissão de ações pela companhia tem como objetivo reforçar a estrutura de capital e balanço da Companhia, visando ao desenvolvimento, ampliação e manutenção de seus negócios, dentro de uma estrutura de capital mais sólida por meio da consequente diminuição de seu passivo sem a necessidade de desembolso de caixa.

Veja VIVR3 na Bolsa:
  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais