Cyrela (CYRE3) reporta mais um trimestre forte e XP reitera compra com preço-alvo em R$ 33

A XP Investimentos analisou o ativo Cyrela (CYRE3) em seu portfólio que optou por reiterar sua recomendação de compra com preço-alvo em R$ 33 por ação.

Para a gestora, a Cyrela apresentou fortes resultados referente ao quarto trimestre de 2020 e em linha com as estimativas pela recuperação da performance operacional (vendas líquidas de R$1.568 milhões e lançamentos de R$2.457 milhões) e pelo forte resultado financeiro (impulsionado pela CashMe, sua subsidiária de empréstimos com garantia imobiliária, ou home equity).

“No balanço patrimonial, a companhia registrou uma queima de caixa de R$261 milhões devido à forte distribuição de dividendos no quarto trimestre (de aproximadamente R$699 milhões), o que levou a Cyrela a registrar uma baixa alavancagem de 5,1% dívida líquida/PL”, disse.

Cyrela (CYRE3) e SPX assinam memorando de entendimento para formação de joint venture

Cyrela

A companhia reportou lucro líquido de R$ 261 milhões no quarto trimestre de 2020, alta de 75,1% ante igual período do ano anterior, conforme relatório encaminhado ao mercado.

De acordo com o documento, no quarto trimestre de 2019 a companhia havia obtido lucro líquido de R$ 149 milhões.

Já no acumulado do ano, o lucro mais que triplicou, de R$ 416 milhões para R$ 1,7 bilhão.

A receita líquida trimestral, por sua vez, avançou 12,9% no comparativo anual, de R$ 936 milhões para R$ 1 bilhão. As vendas impulsionaram o resultado, uma vez que cresceram 34,1%, para R$ 1,8 bilhão.

No acumulado do ano, a receita aumentou 10,5% e totalizou R$ 3,3 bilhões, principalmente devido ao maior volume de obras em andamento de unidades já comercializadas e pelo volume superior de reconhecimentos de lançamentos no período.

Entre outubro e dezembro de 2020, a companhia quase dobrou o número de lançamentos registrado no quarto trimestre de 2019. Foram 25 empreendimentos lançados no período (contra 13 no ano anterior), totalizando um VGV (Valor Geral de Vendas) de R$ 2,8 bilhões. A VSO (Venda sobre Oferta) de lançamentos atingida no trimestre foi de 38,3%.

Em 2020, a Cyrela lançou 58 projetos, contra 44 em 2019.

Segundo a companhia, o destaque do trimestre ficou para a geração de caixa operacional, que atingiu R$ 439 milhões.

Veja CYRE3 na Bolsa:

  • Só clique aqui se já for investidor

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais