Estatal paranaense de energia A Copel (CPLE6) informou que seu conselho de administração autorizou a publicação do edital do leilão de desinvestimento de sua unidade de telecomunicações, agendado para 9 de novembro.

A Copel Telecomunicações terá preço mínimo de venda de R$ 1,4 bilhão para o “valor patrimonial”, disse a empresa. O edital deve ser publicado em seu site em 21 de setembro .

Conforme a empresa, os interessados tem até 5 de novembro para entrega de representação, declaração e garantia de proposta.

A venda da Copel Telecom faz parte do plano da Copel de focar investimentos em seus negócios principais no setor de energia, determinando os ativos considerados essenciais.

Copel (CPLE6) marca para novembro leilão da telecom com preço-alvo em R$ 1,4 bi

CPLE6: competição

A companhia diz esperar quer haja competição por sua subsidiária, a Copel Telecom, por conta dos mais de 10 habilitados no data room para acessar informações.

A Copel Telecom atua na oferta de fibra óptica no Paraná. Na visão do presidente da estatal, Daniel Slaviero, a qualidade do ativo, a segurança jurídica do processo e o momento de liquidez no mercado devem garantir um bom ágio sobre o preço mínimo definido.

“E com a perspectiva de chegada do 5G no país, você cria uma oportunidade única para operadores privados maximizarem e gerarem valor”, disse, ao Valor.

Veja CPLE6 na Bolsa:

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: