A implantação da primeira fase do Open Banking já tem data para acontecer, dia 30 de novembro, e o assunto tem sido tema de diversas matérias e discussões no meio financeiro.

Diretora executiva da Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs) e cofundadora do Linker, Ingrid Barth lembra que as pessoas fora desta esfera ainda possuem muitas dúvidas de como o serviço vai chegar na ponta.

Por conta disso, a ABFintechs, com apoio do Banco Central (BC), elaborou uma cartilha que explica de forma simples e didática como o Open Banking pode beneficiar a população.

“Essa tecnologia deve promover a inclusão financeira. Nossa ideia era criar um material de fácil entendimento para que as pessoas possam se informar sobre o assunto com uma linguagem simples e direta. Dessas coisas que as pessoas compartilham no whatsapp”, frisou.

ABFintechs lança material didático para explicar o Open Banking

O material

O material é gratuito e está disponível para download neste link. “Vamos fazer um conteúdo para cada uma das fases previstas de implantação. O próximo volume da cartilha já está em preparação. Estamos muito animados.”

Fundada em 2016 por empreendedores de quatro fintechs, a ABFintechs possui 400 associadas. A entidade atua também no desenvolvimento de questões regulatórias, onde interage diretamente com a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), Banco Central do Brasil (BCB), Superintendência de Seguros Privados (Susep), e ministério da Economia.

Compartilhe

Categorias do artigo

  • Relacionados: