Resumo: Bolsas divididas e dólar subindo

NYSE volta para o campo positivo com temporada de resultados

As bolsas de valores estão operando divididas, com o dólar ganhando força frente aos pares e na cesta com as seis moedas mais importantes na NYSE.

As atenções estão voltadas para a reunião do Fundo Monetário Internacional e também para a reunião do G-20. A guerra entre a Rússia e a Ucrânia segue para o segundo mês e sem nenhum sinal de cessar-fogo.

Enquanto isso, as pressões monetárias estão na ponta do lápis dos membros dos bancos centrais. O “balde de água fria” veio do presidente do Federal Reserve de St. Louis, James Bullard, que citou os possíveis movimentos do banco central americano para as taxas de juros. Bullard disse que até o final deste ano, a taxa poderá chegar até 3,5%, com aumentos entre 0,50 p.p até 0,75 p.p..

Ainda na principal bolsa de valores, Nova York, a recuperação dos pesos pesados ocorre com a temporada de balanços do primeiro trimestre de 2022.

No Brasil, o Banco Central deverá esticar a Selic entre 13,0% a 13,5%. Esse choque foi motivado pela alta do IPCA em 1,62% e o IGP-10 em 2,48%.  A decisão a autoridade monetária para esse ciclo de juros, segundo analistas, poderá começar a partir da reunião de maio. Em paralelo, o BCB vê a greve dos servidores completando três semanas.

Por fim, ainda no cenário externo, a China vem enfrentando uma série de problemas com os portos paralisado e gargalos nas cadeias produtivas. A onda de Covid-19 está fazendo vítimas fatais, mas em pessoas que não tomaram as vacinas.

Acompanhe o movimento – 11h40 (horário de Brasília):

Dólar na B3:

O dólar, no interbancário, operava em alta de 0,27% aos R$4,661 para a venda. O turismo subia 0,18% aos R$4,846 para a venda.

O euro subia 0,47% aos R$5,035 para a venda. A libra caía 0,38% aos R$6,063 para a venda. O peso subia 0,9% a R$0,041 para a venda.

B3 e as ações:

O Ibovespa opera em queda de 0,44% aos 115.176 pontos; o índice financeiro caía 0,53% aos 10.994 pontos; e o índice de materiais básicos recuava 0,56% aos 6.095 pontos. O volume financeiro estava próximo dos R$8 bilhões.

A chance de ter um bom rendimento de seus investimentos está aqui

A chance de ter um bom rendimento com seus investimento está aqui

Europa:

O índice Stoxx Europe 600 seguia em queda de 0,75% aos 456.36 em Londres; o DAX-30, bolsa de Frankfurt, caía 0,16% aos 14.140; e o CAC-40, Paris, seguia em queda de 0,80% aos 6.536.

Estados Unidos:
O Dow Jones opera em alta de 1,17% aos 34.812 pontos; o S&P subia 1,13% aos 4.449 pontos; e o Nasdaq estava em alta de 1,67% aos 13.555 pontos.

O índice DXY, que compara o comportamento da cesta de seis moedas, seguia estável 0,06% a 100,85.

O euro seguia estável a US$ 1.0789 e a libra recuava 0,08% a US$1.2999.

O ouro estava em queda de 1,23% a US$ 1.962,00 a onça.

O Bitcoin subia 5,38% a US$41,523,27.

Commodities:

O preço do barril do Brent, com contrato para junho de 2022, seguia em queda de  4,22% a US$108,39 em Londres.

O barril do WTI, com contrato para junho de 2022, estava em queda de 4,49% a US$103,35 em Nova York.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.