EUA: Auxílio-Desemprego fica em 185 mil

Vendas no Varejo subiram 0,5% em março

Dois indicadores econômicos dos Estados Unidos já estão nos radares dos mercados: os pedidos iniciais de auxílio-desemprego e as vendas no varejo.

Para as solicitações, o Departamento do Trabalho mostrou que na semana fechada em 09 de abril, os americanos que fizeram os pedidos somaram 185 mil, alta de 18 mil em relação ao nível revisado. As estimativas dos analistas apontavam para 172 mil.

Na semana anterior, o nível foi revisado para cima em 1 mil, de 166 mil para 167 mil. O nível revisado de quatro semanas estava em 172.250, alta de 2 mil frente a estimativa revisada.

A taxa de desemprego medida pelas solicitações estava em 1,1% na semana fechada em 02 de abril.

O melhor investimento está aqui

Vendas no Varejo

As vendas no varejo subiram a um ritmo de 0,5% em março, abaixo do ritmo esperado de 0,6% e uma desaceleração em relação ao ritmo de 0,8% do mês anterior, revelaram dados divulgados pelo Census Bureau.

A alta no comparativo mensal foi um pouco mais forte do que o esperado em março, em 1,1%, contra a taxa de crescimento prevista de 1,0%, uma aceleração em relação ao ritmo de crescimento de 0,6% um mês antes.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.