O QUE É LCI?

“Para quem busca um investimento de renda fixa, com boa rentabilidade e sem imposto de renda, LCI pode ser o produto perfeito”

Com o movimento do Banco Central de manter a taxa de juros baixa para estimular a economia, os investidores têm buscado outras alternativas mais atrativas de investimento de capital em renda fixa. As Letras de Crédito Imobiliário, atraem investidores pelo seu caráter conservador e de baixo risco, além de sua rentabilidade muito acima das alternativas mais tradicionais como a poupança, por exemplo. Um dos seus grandes trunfos é que não precisa pagar imposto de renda, diferentemente da maioria dos produtos financeiros. A Letra de Crédito Imobiliário (LCI) é um produto de renda fixa que geralmente é emitido pelos bancos como forma de capitação de recursos para o financiamento imobiliário, por isso o governo decidiu não cobrar IR, pois quer incentivar o crédito para quem quer comprar sua residência. Os bancos comerciais como a Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil e demais instituições financeiras que possuem autorização do Banco Central para realizar operações de crédito imobiliário podem emitir LCIs.

LCI ou CDB?

“Para quem busca um investimento de renda fixa com boa rentabilidade e sem imposto de renda, a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) pode ser um excelente produto. Uma vantagem é que a LCI também é protegida pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC) que garante até 250 mil reais por CPF em determinada instituição financeira até o limite de R$ 1 milhão. Se um investidor possuir R$ 1 milhão investido em LCI, dividido igualmente entre 4 bancos e todos eles forem a falência ao mesmo tempo, o dinheiro dele estará seguro e será devolvido”, conta Fabrizio Gueratto, Financista do Canal 1 Bilhão Educação Financeira. Como lado negativo, o LCI tem aplicação mínima mais alta quando comparada ao CDB ou Tesouro Direto. Seu prazo mínimo é de 90 dias e a maioria dos títulos possui vencimentos de 3 anos existindo algumas opções que podem chegar até os 10 anos. Porém, é importante lembrar que quanto maior o prazo do vencimento maior os juros pagos pela instituição financeira.

“A LCI tem esta proteção do FGC e isenção do IR, além de financiar uma parte estratégica da economia, é possível ganhar dinheiro e ao mesmo tempo contribuir para o desenvolvimento do país”, lembra Gueratto. É preciso ficar atento com os prazos de carência e de vencimento, já que a baixa liquidez é uma desvantagem deste título em relação ao CDB, mas o retorno do investimento é muitas vezes mais alto.