Ações na Ásia voltam para o positivo em dia fraco de dados

Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 1,43% aos 26.871

As ações da Ásia fecharam com ganhos nesta segunda-feira. Sem indicadores na agenda, os investidores aproveitaram para recuperar as perdas e, ao mesmo tempo, ajustar as carteiras na reta final do mês.

Índices Asiáticos

O índice Xangai ficou em alta de 0, 88% aos 3.379 e o Shenzhen Composite ficou em alta de 1,11% aos 2.216. O Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 1,43% aos 26.871 o índice Topix ficou em alta de 1,11% a 1.887. O FTSE Straits, bolsa de Singapura, ficou em alta de 0,83% aos 3.137. O Kospi, bolsa de Seul, ficou em alta de 1,49% aos 2.401. O Sensex, bolsa de Mumbai, ficou em alta de 0,82% aos 53.161. O Hang Seng, bolsa de Hong Kong, ficou em alta de 2,35% aos 22.229. O índice XJO, bolsa de Sidney, ficou em alta de 1,94% aos 6.706.

O bom humor nesta sessão ocorreu com a política monetária da China, com o Banco Popular da China – PBoC reforçando o apoio econômico. Na mesma linha estava o Banco Central do Japão – BoJ.

Na abertura do Congresso do Partido Comunista, o chefe, Li Qiang, reafirmou o controle dos casos de Covid-19 e que teriam vencido essa guerra. As escolas devem voltar ao ritmo normal, bem como estabelecimentos comerciais.

Ainda na China, uma das principais commodities, o minério de ferro, negociada em Dalian fechou em alta de 4% aos US$115,92 a tonelada em contrato negociado para setembro.

Entre as ações que mais subiram em Xangai estavam as dos setores de turismo e consumo. Em Hong Kong estavam as ações de tecnologia.

Gostou deste conteúdo e quer saber mais? É só clicar aqui 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.