Itaúsa e Votorantim juntas na compra da fatia da Andrade Gutierrez na CCR: valor R$4,1 bilhões

Itaúsa irá adquirir 208.669.918 ações o equivalente a 10,33%

A Itaúsa e a Votorantim assinaram contrato para aquisição da totalidade das ações detidas pela Andrade Gutierrez Participações na CCR. A transação considera a aquisição de 14,86% do capital total da CCR, com investimento de aproximadamente R$ 4,1 bilhões. Desse montante, a Itaúsa irá adquirir 208.669.918 ações, o equivalente a 10,33%, com investimento de R$ 2,9 bilhões.

O investimento da Itaúsa será financiado por meio da combinação de recursos próprios e de terceiros, não sendo esperados efeitos relevantes da transação no resultado da companhia neste exercício social. O fechamento da transação está sujeito ao cumprimento de determinadas condições precedentes usuais a negócios dessa natureza, dentre elas aprovações por autoridades regulatórias, como o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

“Esse investimento reúne características fundamentais da estratégia de alocação eficiente de capital da Itaúsa, que considera empresas líderes em seus setores de atuação, a relação risco/retorno atrativa, o potencial de crescimento e impacto positivo para a sociedade”, comenta o diretor-presidente da Itaúsa, Alfredo Setubal. “Essa transação reafirma nossa confiança no futuro do Brasil e reforça nosso compromisso com a criação de valor de longo prazo para nossos acionistas e para sociedade”, complementa.

A CCR, fundada em 1999, é uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura e mobilidade da América Latina, com atuação nos segmentos de concessão de rodovias, mobilidade urbana, aeroportos e serviços, tendo sido a primeira empresa a ingressar no Novo Mercado da B3.

Atualmente, é responsável por 3.698 quilômetros de rodovias da malha nacional concedida nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A companhia, comprometida com o desenvolvimento sustentável, integra há 11 anos o ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial) da B3 e assinou o Pacto Global da ONU, além de empregar mais de 15 mil pessoas. A composição acionária da CCR contempla ainda o Grupo Mover (14,86%), Soares Penido (15,05%), além de 55,23% no Novo Mercado.

Gostou deste conteúdo e quer saber mais? É só clicar aqu

Veja também no nosso blog

você pode gostar também

Comentários estão fechados.