FECHAMENTO: Ata do Fed gera expectativa

Ibovespa ficou em alta de 0,48% aos 98.718 pontos

A ata da última reunião do Federal Reserve gerou expectativa no mercado de ações global. Durante todo o dia, a volatilidade marcou os negócios e a recuperação só ocorreu depois da análise do conteúdo.

“Basicamente, foi mais do mesmo do que vem falando o Fed, que é o risco da atividade desacelerar com o aumento de juros e se a inflação não desacelerar, o banco central americano vai precisar subir mais os juros. Acho que o principal problema nessa situação é o fator da guerra da Rússia, que pode mudar muito o fator do aperto dos juros americanos por questões de pressão nas commodities. Então, o anúncio não foi nada que o mercado já não estava esperando”, disse em o sócio-fundador da Fatorial Investimentos, Jansen Costa, em relatório.

Fora a ata do Fed, o mercado acompanhou o número de vagas de emprego nos Estados Unidos, bem como no PMI da Atividade de Serviços.

No final, os índices da bolsa de Nova York voltaram para o campo positivo. A Europa também avançou. Na Ásia, os mercados fecharam sem direção e com muita cautela. E, por aqui, o índice principal voltou para a alta.

O dólar fez pressão sobre o real.

Acompanhe o resumo dos mercados

Ásia: o Sensex, bolsa de Mumbai, ficou em alta de 1,16% aos 53.750. O índice XJO, bolsa de Sidney, ficou em queda de 0,52% aos 6.594.

Europa: o FTSE MIB, bolsa de Milão, ficou em alta de 1,04% aos 20.920 pontos. O Ibex 35, bolsa de Madri, ficou em queda de 0,14% aos 7.948 pontos.

Estados Unidos: o Dow Jones subiu 0,23% aos 31.037 pontos. O S&P ficou em alta de 0,36% aos 3.845 pontos. O Nasdaq ficou em alta de 0,35% aos 11.361 pontos.

Brasil: o Ibovespa ficou em alta de 0,48% aos 98.718 pontos.

Moedas: o dólar fechou em alta de 0,60% aos R$5,422 para a venda. O turismo ficou com ganho de 0,48% aos R$5,627 para a venda.

Gostou deste conteúdo e quer saber mais? É só clicar aqui 

Veja também no nosso blog

 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.