5 ações mais recomendadas para o mês de julho, segundo as corretoras

Veja as ações mais recomendadas pelas corretoras do país para este mês de julho

Junto com o começo do mês, as maiores corretoras do Brasil aproveitam para atualizar suas carteiras e sugestões de ações para investir. Entre elas, estão aquelas com as melhores perspectivas de alta e ganhos.

Dessa forma, o otimismo fez um papel importante para o fechamento de junho. Pois, com a retomada econômica global, o Ibovespa conseguiu alcançar uma máxima histórica de 131.190 pontos.

Por esse motivo, as ações de commodities e bancos dominaram os rankings das corretoras nas recomendações para julho. Então, confira as 5 ações mais recomendadas para investir seu dinheiro.

1 – Vale (VALE3)

As ações da Vale lideram novamente o ranking das carteiras de investimento de bancos, corretoras e casas de análise para o mês. Dessa forma, os ativos apareceram em cerca de 11 das recomendações consultadas.
Da mesma maneira, a empresa também aparece como uma das melhores pagadoras de dividendos do ano. Com isso, a porcentagem chegou a 7,1% de Dividend Yield.

A companhia é uma das maiores operadoras de logística do país, assim como a maior produtora de minério de ferro, de pelotas e níquel.

2 – B3 (B3SA3)

Em segundo lugar ficou os papéis do próprio Ibovespa (B3). Segundo analistas do mercado, as perspectivas para a B3 em julho são animadoras.
Por isso, além do crescimento do volume de IPOs (Oferta Pública Inicial) e oferta subsequente de ações (follow-on), há também a questão de ser uma empresa com governança, gestão e eficiência operacional que proporcionam boa rentabilidade.
5 ações mais recomendadas para o mês de julho
Ilustração mercado de ações

3 – Petrobras (PETR4)

A estatal petroleira se encontra no pódio, entre as melhores ações do mês. As expectativas são positivas, pois houve um aumento na demanda por petróleo e seus derivados no atual período de retomada econômica.

A empresa recentemente arrecadou R$ 11,3 bilhões com a venda de todos os seus ativos da BR Distribuidora (BRDT3), na maior oferta pública secundária (fallow-on) de 2021 até agora.

4 – BTG Pactual (BPAC11)

O banco BTG Pactual vem se consolidando no mercado. Cada vez mais, a instituição financeira é vista como uma plataforma completa de serviços financeiros, que atende a pessoa física, assim como clientes mais sofisticados.

Dessa forma, o banco vem apresentando mais novidades. Um exemplo foi o anúncio de uma parceria com a Invesco.

A parceria irá distribuir os produtos da Invesco em território nacional, assim como dará acesso aos clientes para o Invesco Greater China Equity, um dos maiores fundos offshore que aplica recursos em empresas da China.

5 – Via Varejo (VVAR3)

O setor varejista ganhou força neste mês, assim como muitos entusiastas. Isso porque, com a perspectiva de que a economia se recupere e volte a ganhar tração com o avanço das vacinas.

Portanto, a Via Varejo aparece nas recomendações como uma certa novidade para ficar de olho esse mês.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia mais