VALE3 e SANB11 estão entre indicações de Compra

Banco apresentou balanço financeiro com lucro líquido em R$4 bilhões

As casas de análises estão recomendando COMPRA em Vale (VALE3), depois do negócio de venda de ativo. Além disso, o Santander (SANB11) divulgou o balanço do primeiro trimestre de 2022. Com isso, os analistas da Mirae Asset escolheram os dois papéis para as recomendações nesta terça-feira.

Acompanhe:

Vale ON (VALE3)

A Vale confirmou a conclusão da venda da mina de carvão Moatize e do Corredor Logístico Nacala (CLN) à Vulcan Resources, após a conclusão de todas as condições precedentes. O negócio tinha sido anunciado em 21 de dezembro de 2021, por US$ 270 milhões.

“O evento já era conhecido e pouco deve influenciar no comportamento do preço da sua ação, que está mais influenciada pelo comportamento do preço do minério de ferro, comportamento dólar x real e expectativa de que o resultado do 1T22, que será divulgado nesta semana, venha mais fraco do que o imaginado. Tal alteração de expectativa surgiu com a divulgação do seu relatório de produção e vendas mais fracos que o esperado, influenciado pelas chuvas anormais que ocorreram em Minas Gerais. As prévias apontam que o lucro líquido deva se posicionar em R$5 bilhões no 1T22, contra R$ 5,5 bilhões no 1T21″.

A recomendação é COMPRA em VALE3 ao preço justo de R$ 109,78: up-side em 15%.

Santander UNIT (SANB11)

Santander Brasil divulgou o resultado do 1T22, ficando praticamente em linha com o consenso do mercado no botton line. A sua margem financeira bruta atingiu R$ 13,9 bilhões, caindo 1,5% t/t, impactada por uma queda significativa de 95% na margem financeira com mercado, que mais do que compensou o crescimento de quase 12% na margem de cliente. O ROE (Retorno sobre o Patrimônio Líquido) do trimestre ficou em 20,7%, patamar similar aos trimestres comparáveis. O aumento do índice de inadimplência, acima de 90 dias, que pulou de 2,1% no 4T21 para 2,9% no trimestre comentado.

” Acreditamos que o resultado deva chamar a atenção dos investidores em relação a uma possível deterioração da qualidade dos ativos do banco, que pode força-lo a aumentar o nível de provisão.”

A recomendação é de COMPRA ao preço justo R$ 42,25: up-side em 19,54%.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.