Suzano (SUZB3) lança Recompra de Ações

Prazo é de 18 meses e prevê a aquisição de até 20 milhões de ações

A Suzano (SUZB3) abriu programa de recompra de ações que deve abranger até 2,8% do total de ações em circulação no mercado, que em 31 de março de 2022 era de 726.823.001 ações. Esse número exclui papéis detidos por controladores, pessoas ligadas e administradores. A companhia poderá adquirir até 20 milhões de ações ao longo dos próximos 18 meses. Todas as operações de compra de ações de emissão da companhia serão realizadas na B3, a preço de mercado.

“O plano de recompra visa maximizar a geração de valor para o acionista da Suzano por meio de uma alocação de capital eficiente, considerando o potencial de rentabilidade da ação e proporcionando maiores retornos futuros para os acionistas”, afirma o diretor executivo de Finanças, Relações com Investidores e Jurídico da companhia, Marcelo Bacci.

Plano da Companhia

O plano de investimentos da Suzano (SUZB3) contempla o desembolso de R$ 13,6 bilhões em 2022, dos quais R$ 7,3 bilhões serão destinados ao Projeto Cerrado. O nome é uma referência à localização onde está sendo construída a nova fábrica da companhia, no município de Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul. A unidade entrará em operação no segundo semestre de 2024.

Se você gostou deste conteúdo e quer continuar por dentro do mundo dos investimentos, não se esqueça de clicar aqui

Entre no nosso grupo de Trade 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.