Dólar mantém alta aos R$5,145 com EUA

Turismo ficou em queda de 0,18% aos R$5,335 para a venda

O dólar voltou para a alta nesta sessão. O mercado cambial ficou atento aos índices de inflação, em especial dos Estados Unidos. O mercado também já está precificando mais altas na taxa de juros dos Estados Unidos, isso depois dos dados  mostrados hoje.

Ao final, o dólar ficou em alta de 0,21% aos R$5,145 para a venda. O turismo ficou em queda de 0,18% aos R$5,335 para a venda.

“A inflação nos Estados Unidos avançou, principalmente, pelos os maiores preços de eletricidade e alimentos. A inflação foi puxada também por uma guerra, no sentido de que o presidente Joe Biden vem mantendo esse discurso por conta da aceleração dos preços. Porém, a inflação é algo que estamos observando por lá desde março do ano passado, ou seja, quando a meta de 2% deixou de ser cumprida e vem avançando muito antes do conflito no Leste Europeu. As incertezas são quanto ao futuro, já que esses lockdowns em território chinês poderão trazer mais altas nos preços dos bens industrializados. Mas, a inflação nos Estados Unidos não é só por uma questão de oferta, mas de uma demanda com a economia aquecida”, considerou a economista-chefe da Veedha Investimentos, Camila Abdelmalack, para o 1Bilhão.

O euro ficou estável aos R$5,409 para a venda. A libra caiu 0,54% aos R$6,296 para a venda. O peso ficou em alta de 0,07% a R$0,044 para a venda.

Bolsa de Nova York

Na bolsa de Nova York, o índice DXY, que compara o movimento das seis moedas mais importantes ante o dólar americano, ficou em alta de 0,10% aos 104,03 pontos.

O euro ficou em queda de 0,13% a US$ 1.0513 e a libra ficou em queda de 0,54% a US$1.2246.

O ouro ficou em alta de 0,61% a US$ 1.852,30 a onça.

O Bitcoin voltou a cair 7,31% aos US$28.750,78.

Se você gostou deste conteúdo e quer continuar por dentro do mundo dos investimentos, não se esqueça de clicar aqui

Entre no nosso grupo de Trade 

 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.