Amazon.com amarga prejuízo de US$3,8 bi e derruba o Nasdaq

Ações caíam 12,18% com a queda nos resultados

A Amazon.com (AMZ) apresentou os números do primeiro trimestre depois do fechamento de Wall Street nesta quinta-feira. O resultado está pesando no desempenho negativo do Nasdaq e dos papéis (ver abaixo).

A receita ficou em US$ 116,4 bilhões, com a Bloomberg prevendo US$ 116,43 bilhões. O aumento de receita foi de 7%, bem abaixo da alta de 44% do mesmo período do ano passado.

A gigante da tecnologia reportou prejuízo líquido de US$ 3,8 bilhões no primeiro trimestre, ou US$ 7,56 por ação, em comparação com as estimativas da Bloomberg de US$ 8,40 por ação. No mesmo período do ano passado, a Amazon teve lucro líquido de US$ 8,1 bilhões, ou US$ 15,79 por ação.

A Amazon disse que o prejuízo ficou por conta da perda de avaliação do Ebitda de US$ 7,6 bilhões e de seu investimento na Rivian Automotive Inc..

A companhia disse também que a guerra no Leste Europeu pesou nos negócios, bem como os impactos macroeconômicos promovidos pela crise na cadeia de suprimentos.

O desempenho negativo forçou a empresa a cobrar dos vendedores sobretaxa de 5% no combustível pela primeira vez na história a partir de ontem (28).

Há pouco, a Amazon.com caía 12,18% no Nasdaq, que recuava também 1,47%.

*Com informações da Bloomberg

você pode gostar também

Comentários estão fechados.